Delegado diz que carro apreendido pela Defur foi usado no assassinato de Everton Pinto Tomaz ocorrido em maio no Bairro Nova Betânia Mossoró/RN

FIM DA LINHA

455

O delegado da Especializada em Furtos e Roubos (DEFUR), Dr. Luiz Fernando, concedeu entrevista à Imprensa mossoroense, na manhã desta quarta feira 13 de junho, onde falou sobre o andamento do inquérito que apura a morte de Everton Pinto Tomaz, assassinado com um tiro, durante uma tentativa de assalto ocorrido no dia 14 de maio de 2018, no Bairro Nova Betânia em Mossoró no Oeste Potiguar.

De acordo com o delegado, um veículo tipo Fiat Punto de cor prata possivelmente usado pelos criminosos na ação delituosa foi identificado através de imagens de câmeras de monitoramento no local do crime e já foi apreendido pela equipe da DEFUR.

O carro foi apresentado na Delegacia de Furtos e Roubos, pela sua proprietária, na tarde de terça feira (12) que segundo o delegado é genitora do suspeito de participação no latrocínio (Roubo seguido de morte). Ela foi a Defur acompanhada de um advogado e o veículos ficou apreendido e será encaminhado ao ITEP para ser periciado.

O delegado disse que um suspeito foi identificado e espera que o mesmo se apresaente o mais rápido possivel em sua delegacia. Caso contrário pedirá sua prisão junto ao judiciário. De acordo com o titular da Defur, o suspeito já tem passagem pela polícia e está sendo investigado em inquérito que apura um roubo no Partage Shopping em Mossoró.

A investigação, de acordo com a autoridade policial, apontou que outras duas pessoas também estão envolvidas no latrocínio contra o representante Comercial Evertom Tom Tom, mas que por enquanto terão seus nomes sob sigilo para não atrapalhar as investigações.

Everton Pinto Tomaz, estava dentro do seu carro, um HB 20, parado em frente a uma residência por trás do Sesc, no Bairro Nova Betânaia, quando foi abordado pelos criminosos que chegaram e anunciaram o assalto.

A vítima tentou fugir dando partida no carro, mas acabou sendo baleada. Mesmo baleado, Everton ainda chegou a fugir local, mas morreu ao chegar no semáforo da Avenida Diocesana com a Duadécimo Rosado.

Ele bateu em uma viatura da Força Nacional e ainda chegou a ser retirado do seu carro por uma equipe do Samu, mas não resistiu e morreu dentro da ambulância.

Imagem
Segundo o delegado Luiz Fernando o Fiat Punto foi identificado através de imagens gravadas por câmeras de segurança no local do crime