Seis pessoas são condenadas por plantio de maconha no Sertão da Paraíba

G1-PB

135

Seis pessoas foram condenadas por tráfico de drogas e associação ao tráfico, após uma plantação de 40 mil pés de maconha ter sido encontrada na zona rural de Diamante, Sertão da Paraíba, durante a “Operação Prisma”, em maio de 2017. Três pessoas são de uma mesma família.

A sentença do juiz Antônio Eugênio Leite Ferreira Neto, da 2ª vara de Itaporanga, foi publicada na quinta-feira (7). Na operação realizada pelas polícias Federal, Militar e Civil, duas pessoas responsáveis pelo cultivo tinham sido presas em flagrante, além de adubos e fertilizantes usados na plantação apreendidos.

 

Conforme a denúncia do Ministério Público, Severino Ilário e Advanilson da Conceição trabalhavam na plantação que era cuidada por Alexandre Zuza, filho de José Zuza e sobrinho de Antônio Zuza, a quem as terras pertenciam. Edilzo Vicente era o responsável pelo transporte de mantimentos para manutenção do plantio e suposto dono de parte das terras.

Advanilson da Conceição e Severino Ilário da Silva afirmaram à Justiça que foram contratados por Alexandre Zuza Pereira para trabalhar numa “plantação de melancias”, mas que ao chegar no local constataram que se tratava de um plantio de maconha. Antônio Zuza Sobrinho afirmou que arrendou a terra que possui a terceiros e que a plantação ilícita foi encontrada nas terras do irmão dele, José Zuza Sobrinho.

Alexandre Zuza foi condenado a 16 anos e sete meses de reclusão. Edilzo Vicente da Silva e Severino Ilário da Silva foram condenados a 12 anos e 3 meses de reclusão por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Advanilson da Conceição foi condenado a 6 anos e 6 meses de reclusão, por tráfico e associação ao tráfico de drogas.

Antônio Zuza e José Zuza foram absolvidos por falta de provas do crime de associação ao tráfico. Ambos foram condenados por tráfico de drogas, porém devido aos bons antecedentes dos réus, a sentença foi transacionada para a prestação de serviços à comunidade e prestação pecuniária de um salário mínimo.