Empresário da área de vigilância privada é assassinado a tiros no interior do RN

Foto: O Câmera

Raimundo Carreiro de Almeida Filho, de 46 anos de idade, foi morto com tiros de pistola 9mm e escopeta calibre 12, quando o mesmo chegava em casa numa motocicleta, na Rua Governador Cortez Pereira, na Vila Brasília, na Serra do Mel, crime que aconteceu na manhã deste sábado, 15 de janeiro.

Não existem muitas informações sobre a motivação para o crime e nem sobre os criminosos, apenas que a vítima era natural da cidade de Fortaleza, no estado do Ceará e mantinha uma empresa de vigilância particular “Agilidade Dez” no município de Porto do Mangue, há pouco mais de 03 anos e fazia segurança para um grupo, dono de salinas na região.

A equipe de perícia criminal do Itep, localizou capsulas e fragmentos das munições utilizadas para matar o vigilante/empresario. Depois dos procedimentos de perícia no local do crime, o corpo foi removido para ser examinada na Unidade Regional do Itep em Mossoró.

Portal Grande Ponto via O Câmera

Filhos matam pai a facadas após ele descumprir medida protetiva, no DF; Decisão judicial proibia o homem de se aproximar deles e da ex-esposa

Imagem: reprodução

Dois jovens, de 20 e 23 anos, foram detidos em flagrante na noite desta sexta-feira em Recanto das Emas, no Distrito Federal, após assassinarem o próprio pai a facadas. Em depoimento à polícia, ambos alegaram que a vítima havia descumprido uma decisão judicial que o proibia de se aproximar da família, devido às repetidas ameaças contra os filhos e a ex-companheira.

De acordo com a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), o homem, de 46 anos, teria aparecido de surpresa na casa da família. Após iniciarem uma discussão, os vizinhos acionaram a PM às 22h30, alegando que pai e filhos estavam “em vias de fato”, usando facas. Mas, ao chegarem no local, a vítima já estava morta.

Na delegacia, os jovens afirmaram que o crime foi em legítima defesa, após também terem sido ameaçados pelo pai. Os dois rapazes foram levados para o 27º Departamento de Polícia, no Recanto das Emas, onde o caso é investigado. Na 27ª DP, os irmãos foram autuados em flagrante por homicídio qualificado por motivo fútil. Eles devem passar por audiência de custódia neste domingo (16/1).

Com informações de O Globo e Metrópoles

Governo do RN passa a exigir passaporte vacinal para acesso de servidores e da população aos órgãos públicos

Foto: Governo do RN

O Governo do Rio Grande do Norte, por meio das secretarias da Saúde Pública (Sesap) e da Administração (Sead), publicou neste sábado (15) portaria na qual disciplina o acesso de servidores e da população às dependências dos órgãos da administração pública direta e indireta do estado. A medida tem como principal finalidade prevenir a transmissão do novo coronavírus, em razão do aumento recente no número de casos da covid-19 no RN.

“É um cuidado a mais que o governo está tendo com o servidor e com a saúde pública, a fim de evitar uma reincidência de surto da doença nos prédios públicos. O objetivo é preservar o direito de todos e harmonizar o ambiente de trabalho – e fora do ambiente de trabalho – para que todos tenham essa harmonia e a saúde pública preservada”, explica a secretária da Administração, Virgínia Ferreira.

A Portaria Conjunta Nº 01/2022 – Sesap/Sead, publicada no Diário Oficial do Estado, estabelece como requisito para acesso às repartições públicas a obrigatoriedade de comprovação do esquema vacinal contra covid-19 em conformidade ao calendário de imunização. A exceção é para os casos que, por atestado médico ou que, nos termos do Plano Nacional de Imunização (PNI), não integrem, temporária ou permanentemente, grupo elegível para recebimento do imunizante. Ainda assim, é preciso comprovar a justificativa.

O documento também determina que os servidores e empregados públicos, bolsistas e estagiários que apresentarem qualquer sintoma gripal deverão permanecer em regime de trabalho remoto, bem como procurar serviço de saúde para atendimento médico. Se diagnosticado com Covid ou Influenza (H3N2), o servidor deverá se afastar das atividades laborais e cumprir isolamento pelo tempo determinado em atestado médico.

No intuito de proporcionar a redução da circulação de pessoas e evitar a possibilidade de contágio nas unidades administrativas, desde que mantida a capacidade de pleno funcionamento dos setores, a Portaria recomenda que as chefias elaborem escalas de horários para cumprimento da jornada de trabalho presencial dos servidores, de forma a possibilitar o sistema de rodízio. Aqueles que estiverem em teletrabalho, entretanto, deverão permanecer disponíveis via celular, e-mail ou outra via eletrônica durante todo o horário de expediente.

O documento também reforça que os órgãos públicos estaduais continuem seguindo a adoção das medidas de segurança sanitária, tais como incentivo à higienização frequente das mãos, vedação à aglomeração de pessoas e, principalmente, exigência do uso obrigatório de máscaras de proteção facial. “Para exercermos nossas atividades no trabalho de maneira segura e responsável contra a Covid-19, devemos continuar respeitando todos os protocolos e não relaxar nas medidas de prevenção em nenhum momento. É fundamental ainda que as pessoas procurem completar o seu esquema de vacinação tão logo seja possível”, reforça Virgínia Ferreira.

Os protocolos de biossegurança referente às rotinas de trabalho presencial estão dispostos na Portaria Conjunta nº 03/2020 – Sesap/Sead, de 07 de agosto de 2020.

A Portaria Conjunta Nº 01/2022 – Sesap/Sead pode ser acessada neste link: http://diariooficial.rn.gov.br/dei/dorn3/docview.aspx?id_jor=00000001&data=20220115&id_doc=754664

RN registra 02 óbitos por covid nas últimas 24 horas; Novos casos são 46

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus neste sábado (15). São 394.011 casos totalizados. Na sexta (14) eram contabilizados 393.965, ou seja, 46* novos casos em comparação com o dia anterior, todos confirmados nas últimas 24 horas.

*Segundo a Sesap, o sistema E-SUS está fora do ar, por isso uma baixa considerável nos casos confirmados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.599 no total. Dois (02) óbitos foram registrados nas últimas 24 horas no RN, ambos em Natal. Na sexta (14), eram 7.593 mortes. A Sesap registrou outros quatro (04) após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.460.

Recuperados são 380.278. Casos suspeitos somam 116.672 e descartados são 838.068. Estimativa de casos em acompanhamento: 6.314.

“He-Man” é preso em Caicó pela 10ª vez em apenas 20 dias, pela prática do mesmo crime

Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Um homem conhecido como “He-man” foi preso por roubar carnes, na noite do último domingo 09, em Caicó, na Região do Seridó do RN. Ele já havia sido detido 10 vezes ao longo de 20 dias por crimes semelhantes. Segundo informações confirmadas pela Polícia Militar, ele teria arrombado um quiosque no centro da cidade momentos antes da sua prisão.

O suspeito é denominado Rinaldo Araújo da Silva, de 30 anos, mas é popularmente conhecido como “He-man”. A vítima do crime teria acionado a PM e disse que o estabelecimento foi arrombado na madrugada do domingo e, na noite do mesmo dia, ele teria voltado para, possivelmente, cometer outro furto. Após fugir do local, ele seguiu em direção do Açougue Público, onde foi detido por volta das 21h40.

Em depoimento na delegacia, o dono do quiosque relatou que cerca de 08 kgs de carne e frango foram levados pelo suspeito.

Agora RN

COVID: Brasil registra 147 óbitos e 70,7 mil casos nas últimas 24h

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta terça-feira (11).

– O país registrou 147 óbitos nas últimas 24h, totalizando 620.238 mortes;

– Foram 70.765 novos casos de coronavírus registrados, mais que o dobro da segunda-feira (34.788), no total são 22.629.460;

Dessa forma, a média móvel de óbitos ficou em 122 e a média móvel de casos em 43.660, a maior desde julho de 2021.

O ministério da Saúde calcula que mais de 21,5 milhões de pessoas já se recuperaram da Covid.

Homem preso no Jegue Folia por espancamento é solto e capturado de novo 24h depois, por outro crime

Imagem: reprodução

Um homem que foi preso na última quinta-feira (6) após espancar outro homem durante a prévia do Jegue Folia, micareta que ocorreu no último fim de semana em Marcelino Vieira, na região Oeste Potiguar, foi liberado e preso no dia seguinte por envolvimento em outro crime cometido na mesma cidade.

Além dele, um adolescente com relação com os dois crimes também foi apreendido duas vezes junto com o adulto.

VEJA MAIS: Três suspeitos são pegos após agressões a homem desacordado em festa de rua no município de Marcelino Vieira

VEJA MAIS: VÍDEO: Homem caído no chão sofre agressões durante festa de rua no interior do RN

De acordo com informações repassadas pela Polícia Militar à TV Tropical, menos de 24 horas após serem liberados para responderem em liberdade pelo espancamento, o homem e o adolescente praticaram um roubo a uma loja que vende bebidas em Marcelino Vieira. Do local, eles levaram uísque e refrigerante.

Momentos após a ação dos criminosos, a polícia encontrou os produtos roubados no quintal da casa do homem e iniciou diligências para prendê-lo e para apreender o adolescente comparsa. Recapturados, eles estão à disposição da Justiça.

O homem espancado segue internado em estado grave.

98 FM Natal

BC culpa crise hídrica e falta de insumos por inflação acima da meta

O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, atribuiu o estouro da meta de inflação em 2021 a uma mistura de fatores: criação da bandeira de energia elétrica de escassez hídrica, alta das commodities e falta de insumos para as cadeias de produção.

Campos Neto enviou uma carta aberta ao presidente do Conselho Monetário Nacional (CMN), o também ministro da Economia, Paulo Guedes, para justificar porque a inflação terminou o ano passado em 10,06%, quase o dobro do teto da meta do ano – 5,25%.

Em 2021, o alvo central da meta para a inflação era de 3,75%, com margem de tolerância que ia de 2,25% até o limite máximo de 5,25%.

O envio da carta é consequência do decreto 3.088, de junho de 1999. As explicações devem ser dadas sempre que a inflação no ano ultrapassar o teto da meta, como aconteceu no ano passado, ou ficar abaixo do piso.

Campos Neto explica que os principais fatores que levaram a inflação em 2021 a ultrapassar o limite superior foram:

  1. forte elevação dos preços de bens transacionáveis em moeda local, em especial os preços de commodities;
  2. bandeira de energia elétrica de escassez hídrica;
  3. desequilíbrios entre demanda e oferta de insumos, e gargalos nas cadeias produtivas globais.

Metrópoles

Coronel Azevedo denuncia ameaça de demissão de trabalhadores pela Governadora Fátima Bezerra (PT)

A Governadora Fátima Bezerra do PT informou nesta terça-feira (11) que os órgãos das administrações direta e indireta do Poder Executivo têm até o próximo dia 20 de janeiro para encaminhar as informações atualizadas do esquema vacinal contra a Covid-19 dos servidores públicos, conforme exigência do Decreto nº 31.022, de 26 de outubro de 2021, sob pena de demissão.

Para o Deputado Coronel Azevedo (PSC), “isto é um ato discricionário, uma ameaça de demissão dos servidores públicos que não se submeterem a vontade pessoal da Governadora, já que é decorrente de um decreto assinado pela petista, não é lei aprovada no parlamento”.

“Realizei audiência pública na Assembleia Legislativa contra este tipo de discriminação e ameaça. Apresentei projeto de Lei contra o passaporte sanitário. Estamos com assessoria jurídica a disposição. Não sou contra a vacina. Sou defensor do direito de decidir de cada um, frente aos riscos/benefícios de cada opção”, afirmou o parlamentar.

PM deflagra operação e captura 12 foragidos da Justiça no RN

Policiais da 10ª Companhia Independente de Polícia Militar ( 10ª CIPM) deflagraram a operação “Outlaws’ na última quinta e sexta-feira e capturaram 12 foragidos da Justiça na região do litoral e agreste potiguar. Uma arma caseira e munições foram apreendidos com parte dos capturados.

As prisões aconteceram nas cidades de Canguaretama, Serra Caiada, Lajes, Arez, Nova Cruz, Santa Maria, Santo Antônio e Ceará-Mirim.

A operação, sob coordenação do Comando Regional III, está em sua quarta ação em 45 dias. Os capturados respondem pelos mais variados crimes praticados como roubo, homicídio, estupro de vulnerável, entre outros.

Eles foram identificados como:

José Aldo da Silva, 56 anos;

Manoel Marinaldo de Oliveira, 48 anos;

Ofelio Ferreira de Lima, 52 anos;

Francisco Gileno Martins, 40 anos;

José Martins da Silva, 45 anos;

Manoel Fabrício de Souza Neto, 57 anos;

Aclécio de Andrade Silva, 48 anos;

José Antônio da Conceição, 36 anos;

Elias Barbosa Câmara, 18 anos;

José Marcelo de Araújo Silva, 38 anos;

Welson Venâncio da Rocha Costa, 28 anos;

Allidy Jettson Jerônimo, 33 anos.

A operação “Outlaws”, que significa ‘Foragidos’ em inglês, contou com o apoio dos policiais do 8º Batalhão de Polícia Militar em Nova Cruz, a da 9a Companhia Independente de Polícia Militar em São Paulo do Potengi.

Governo Federal pagou R$ 156,98 milhões de dívidas do RN em 2021

O Tesouro Nacional pagou, em 2021, R$ 8,96 bilhões em dívidas atrasadas de estados. O valor é 32,4% a mais que o registrado em 2019, quando a União havia desembolsado R$ 13,265 bilhões.

Desse total, a maior parte, R$ 4,18 bilhões, é relativa a atrasos de pagamento do estado do Rio de Janeiro. Em segundo lugar, vem Minas Gerais, com R$ 3,13 bilhões cobertos pela União.

A União cobriu débitos em atraso de mais três estados: Goiás (R$ 1,3 bilhão), Amapá (R$ 194,32 milhões) e Rio Grande do Norte (R$ 156,98 milhões).

Primeira morte por ômicron no Brasil foi de um homem com grave doença pulmonar

O Brasil registrou a primeira morte pela cepa ômicron, nova variante da Covid-19. O paciente morreu após cinco dias da notificação da doença, em Aparecida de Goiânia, Goiás.

O homem estava com o esquema vacinal completo, tendo recebido as duas doses do imunizante CoronaVac, acrescida à dose de reforço com a vacina Pfizer. Entretanto, as condições de saúde pré-existentes agravaram a o quadro da infecção.

A vítima é um homem de 68 anos, portador de doença pulmonar obstrutiva crônica e também de hipertensão arterial, de acordo com a Secretaria de Saúde Municipal.

De acordo com o secretário de Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino,”seu pulmão já era bem comprometido. O tecido pulmonar, por exemplo, já não fazia as trocas gasosas de forma eficiente”.

Diário do Poder

Casos diários de covid-19 aumentam mais de 6 vezes em uma semana

Na última semana, o número de casos diários de covid-19 aumentou mais de seis vezes no Brasil. Nesta sexta-feira (7), foram confirmados mais 63.292 novos diagnósticos positivos da doença. Há sete dias, em 31 de dezembro, o número registrado foi 10.282 casos.

O número de pessoas infectadas desde o início da pandemia chegou a 22.450.222. Ontem (6), o painel de informações sobre a pandemia do Ministério da Saúde contabilizava 22.386.930.

Ainda há 180.249 casos em acompanhamento, de pessoas que tiveram o quadro de covid-19 confirmado. Ontem, o número de pessoas infectadas com casos ativos estava em 140.453. Há uma semana, eram 84.063.

Agência Brasil

COVID: Brasil registra 175 óbitos e 18,7 mil casos nas últimas 24h; Quase 10 mil casos registrados foram de dados represados em sete Estados

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta terça-feira (4).

– O país registrou 175* óbitos nas últimas 24h, totalizando 619.384 mortes;

– Foram 18.759* novos casos de coronavírus registrados, no total 22.323.837;

*Sete estados registrados dados de casos que estavam represados: Santa Catarina (2.014 casos), Paraná (2.607 casos), São Paulo (1.944 casos), Rio de Janeiro (2.540 casos e 41 óbitos), Mato Grosso (689 casos), Roraima (134 casos), Alagoas (57).

Dessa forma, a média móvel de óbitos ficou em 97 e a média móvel de casos em 9.876.

O Ministério da Saúde estima que pelo menos 21,5 milhões de brasileiros já se recuperaram da Covid-19.

AUXÍLIO BRASIL: fila é zerada com inclusão de mais 2,7 milhões de famílias neste mês, diz governo

Foto: Marcello Casal. Jr./Agência Brasil

O Ministério da Cidadania informou que zerou a fila de espera de 2021 para o Auxílio Brasil, incluindo cerca de 2,7 milhões de famílias na competência de dezembro, que será paga em janeiro — os depósitos começarão a ser feitos daqui a duas semanas, no dia 18. Com a medida, o programa criado para substituir o extinto Bolsa Família alcança mais de 17 milhões de famílias.

As pessoas que se enquadram nos pré-requisitos para serem inseridas no programa podem verificar se tiveram o cadastro aprovado consultando a inscrição no Cadastro Único (CadÚnico), no site, ou pelo aplicativo Auxílio Brasil, digitando o número do CPF.

Em nota, o Ministério da Cidadania afirmou que “vale lembrar que o Auxílio Brasil, como programa permanente, terá ingresso recorrente de novos beneficiários. O ingresso e a permanência das famílias ocorrem a partir da inscrição no Cadastro Único”.

A competência de novembro, paga em dezembro, já havia inserido novas famílias. Moradora de Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, Sulamita dos Santos, de 30 anos, foi uma dessas novas beneficiárias que receberam a primeira parcela no mês passado. Ela é mãe de três filhos, de 1, 3 e 4 anos.

Desde a parcela de dezembro, o valor mínimo do Auxílio Brasil é de R$ 400. A inscrição no CadÚnico é uma das exigências para estar apto a receber o benefício, mas isso não resulta no imediato repasse de recursos. A concessão do benefício “está condicionada à disponibilidade orçamentária”. O decreto estipula que as famílias devem ser priorizadas a partir de critérios baseados em indicadores de situações de vulnerabilidade social e econômica.

Extra

RN registra 02 óbitos por covid nas últimas 24 horas; Novos casos são 244

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta terça-feira (4). São 387.919 casos totalizados. Na segunda (3) eram contabilizados 387.542, ou seja, 377 novos casos em comparação com o dia anterior, destes, 244 confirmados nas últimas 24 horas.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.577 no total. Dois óbitos foram registrados nas últimas 24 horas, em Mossoró e Pedro Avelino. Na segunda (3) eram 7.573 mortes. A Sesap não registrou óbitos após resultados de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.421.

Recuperados são 378.194. Casos suspeitos somam 112.433 e descartados são 819.039. Estimativa de casos em acompanhamento somam 2.148.

RN registra taxa de ocupação de leitos críticos para covid de 37,7%

A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 37,7%, registrada no início da tarde desta segunda-feira (3). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 94.

Até o momento desta publicação são 86 leitos críticos (UTI) disponíveis e 52 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 79 disponíveis e 42 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 45,2% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 20,5% e a Região Seridó tem 50%.

COVID: RN possui 86 leitos críticos e 79 leitos clínicos disponíveis

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento feito por volta das 12h20 desta terça-feira (4).

Neste período, havia 6 (seis) pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação e 1 (um) aguardava avaliação. Foram registrados disponíveis 86 leitos críticos e outros 79, sendo clínicos.

Chuvas são registradas em 67 municípios do RN e passam de 100 milímetros na região Agreste, diz Emparn

Foto: Reprodução

A Empresa de Pesquisa Agropecuária (Emaprn) voltou a registrar chuvas em várias partes do estado entre as 7h de segunda-feira (3) e 7h desta terça (4). Pelo menos 67 municípios nas regiões Agreste, Central, Leste e Oeste tiveram precipitações. Em Encanto, uma pequena barragem sangrou graças ao bom volume de chuvas.

O maior volume registrado foi no município de Senador Elói de Souza, no Agreste, onde o pluviômetro marcou 119,4 mm ao longo de 24 horas. Na mesma região, tiveram destaque também as chuvas nos municípios de Riachuelo (92,8 mm) e Lagoa D’Anta (75,4 mm).

O bom volume de chuva na região Oeste provocou a sangria de uma pequena barragem na zona rural do município de Encanto. O reservatório da comunidade Terra Boa começou a transbordar ainda no domingo (2). Encanto registrou 9.4 mm de chuvas nesta segunda (3).

No Oeste, as chuvas foram mais intensas nos municípios de Triunfo Potiguar (50,8 mm), Caraúbas (31,4 mm) e Mossoró (30 mm).

Também foram registradas chuvas na região Central, com destaque para os municípios de Currais Novos (46,4 mm) e Fernando Pedroza (30,4 mm).

No Leste potiguar, o município de Taipu registrou o maior volume de chuvas, 16 mm.

g1 RN

Falta vacina da gripe em pelo menos 40 cidades do RN

Foto Ilustrativa: Reprodução

De acordo com levantamento da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap/RN), pelo menos 40 municípios do Rio Grande do Norte estão sem vacina contra a Influenza. Último levantamento foi realizado em 18 de dezembro do ano passado e não há atualizações, além de 40 cidades não terem informado a secretaria sobre a situação de seus estoques.

Segundo a Sesap, 200 mil doses foram solicitadas ao Ministério da Saúde (MS), mas ainda não houve retorno até o momento. “O Estado solicitou 200 mil doses para reforçar a campanha de imunização, mas até agora nós não tivemos resposta, embora o ofício com o pedido tenha sido enviado há poucas semanas”, disse a Sesap.

Além da falta do imunizante, a expectativa é que, mesmo onde há estoque, as doses estejam em quantidade mínima. No início da segunda quinzena de dezembro, de acordo com os dados da Sesap, grande parte dos municípios tinha menos de 500 unidades disponíveis.

Em Natal, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS/Natal) informou, por meio de nota, que as últimas doses da vacina vêm sendo aplicadas desde a última quinzena de dezembro de 2021. Segundo a pasta, o estoque da Central de Armazenamento do Município está zerado, mas algumas unidades de saúde ainda possuem um “quantitativo mínimo à disposição da população”.

A SMS/Natal informou que foram aplicadas cerca de 370 mil doses da vacina, recebidas do Ministério da Saúde para a campanha anual de imunização em 2021. Em Parnamirim, na Região Metropolitana, o imunizante está em falta desde a semana passada. A Secretaria de Saúde do Município esclareceu que recebeu, na última semana, 400 doses da Sesap, as quais foram administradas em apenas dois dias.

A coordenadora de imunização de Macaíba, Flávia Medeiros, explicou que a Secretaria de Saúde recebeu 300 doses na semana passada, as quais se somaram a outras 200 ainda existentes no Município até então. “Tudo foi distribuído para as unidades de saúde e nós estamos colhendo os dados para saber se ainda há doses”, respondeu a coordenadora no final da manhã dessa segunda-feira (3). Em São Gonçalo do Amarante, outro município da Região Metropolitana, as doses acabaram na semana passada.

Tribuna do Norte