Brisanet está entre as melhores operadoras de internet banda larga no Brasil

A Anatel divulgou sua pesquisa anual com as operadoras brasileiras melhores avaliadas na oferta de serviços de telefonia pré e pós paga, telefonia fixa e internet banda larga em 2017.

O estudo mostra o índice de satisfação dos consumidores em relação ao serviço prestado pelas empresas de telecom, que receberam uma nota de 0 a 10 de acordo com uma série de indicadores definidos pela agência reguladora.

Confira abaixo como ficou a avaliação das operadoras nos diferentes serviços oferecidos a seus clientes ao longo do ano de 2017:

Telefonia pré-paga

Foram avaliados os indicadores de atendimento telefônico, canais de atendimento, capacidade de resolução, funcionamento, oferta e contratação e recarga. A operadora melhor avaliada em serviços pré-pagos foi a Sercomtel, que manteve a mesma média de 2016. A Vivo foi a única que caiu em desempenho em relação ao ano anterior, apesar de manter a mesma posição no ranking. O estudo completo pode ser visto aqui.

  1. Sercomtel (7,71)
  2. Algar (7,41)
  3. Claro (6,92)
  4. Vivo (6,88)
  5. TIM (6,82)
  6. Oi (6,66)

Telefonia pós-paga

Nenhuma operadora teve queda na satisfação geral em relação a 2016. Foram avaliados os indicadores de oferta e contratação, funcionamento, cobrança, canais de atendimento, capacidade de resolução e reparo e instalação. A Porto Seguro Conecta manteve a primeira posição com grande vantagem em relação à Vivo, que ficou com a segunda posição. A Oi foi a operadora com pior avaliação em pós-pago, assim como em pré-pago. O estudo completo pode ser visto aqui.

  1. Porto Seguro Conecta (8,32)
  2. Vivo (7,26)
  3. TIM (7,16)
  4. Algar (7,04)
  5. Nextel (7,02)
  6. Claro (7,00)
  7. Oi (6,20)

Telefonia Fixa

Em relação à telefonia fixa, Claro/NET e Tim foram as únicas operadoras a crescerem a nota geral, enquanto as outras caíram em relação a 2016. Foram avaliados os indicadores de oferta e contratação, funcionamento, cobrança, canais de atendimento, capacidade de resolução e reparo e instalação. O estudo completo pode ser visto aqui:

  1. Sercontel (8,00)
  2. Algar (7,69)
  3. Tim (7,58)
  4. Claro/NET (7,37)
  5. Vivo (6,96)
  6. Oi (6,47)

Internet banda larga

O serviço de banda larga fixa também caiu no geral em relação a 2016. Foram avaliados os indicadores de oferta e contratação, funcionamento, cobrança, canais de atendimento, capacidade de resolução e reparo e instalação. Vivo e Oi foram as únicas operadoras a apresentarem melhorias em relação ao ano anterior, enquanto todas as outras analisadas pioraram. A Brisanet foi avaliada pela primeira vez pela Anatel. O estudo completo pode ser visto aqui.

  1. Cabo Telecom (7,64)
  2. Tim (7,54)
  3. Brisanet (7,26)
  4. Sercomtel (6,87)
  5. NET (6,43)
  6. Algar (6,39)
  7. Vivo (6,38)
  8. Oi (5,67)
  9. Sky (5,38)

Estas são as melhores opções em cada estado, de acordo com os assinantes:

  • Acre: NET Vírtua (6,96)
  • Alagoas: Vivo (7) e NET Vírtua (6,83)
  • Amapá: Oi (5,99)
  • Amazonas: NET Vírtua (6,63)
  • Bahia: NET Vírtua (6,6)
  • Ceará: Brisanet (7,24)
  • Distrito Federal: Vivo (6,45) e NET Vírtua (6,32)
  • Espírito Santo: NET Vírtua (6,58), Oi (6,28) e Vivo (6,23)
  • Goiás: Vivo (6,23) e NET Vírtua (6,16)
  • Maranhão: NET Vírtua (7,45)
  • Mato Grosso: NET Vírtua (6,88)
  • Mato Grosso do Sul: NET Vírtua (6,82)
  • Minas Gerais: NET Vírtua (6,38), Algar (6,35) e Vivo (6,33)
  • Pará: NET Vírtua (6,98)
  • Paraíba: NET Vírtua (6,75) e Vivo (6,66)
  • Paraná: Sercomtel (6,87), Vivo (6,52) e NET Vírtua (6,48)
  • Pernambuco: NET Vírtua (6,63) e Vivo (6,55)
  • Piauí: NET Vírtua (7,2)
  • Rio de Janeiro: TIM Live (7,71)
  • Rio Grande do Norte: Cabo Telecom (7,64)
  • Rio Grande do Sul: NET Vírtua (7,04)
  • Rondônia: NET Vírtua (6,88)
  • Roraima: Oi (5,06)
  • Santa Catarina: Vivo (6,71) e NET Vírtua (6,61)
  • São Paulo: TIM Live (7,41)
  • Sergipe: NET Vírtua (6,92) e Vivo (6,73)
  • Tocantins: NET Vírtua (7,05)

Fonte: Olhar Digital