Divisão de Combate ao Crime Organizado no RN prende quadrilha especializada em roubo a bancos

Operação, realizada neste fim semana, foi batizada de ‘Alpha Bravo’. Cinco homens foram presos.

566
José Augusto de Medeiros Sena morreu durante a tentativa de assalto a um malote do Banco do Brasil da Av. Prudente de Morais (Foto: Divulgação/PM)

Cinco pessoas foram presas neste final de semana suspeitas de integrarem uma quadrilha especializada em explosões e arrombamentos de caixas eletrônicos, além de assaltos a bancos, malotes, correspondentes bancários e até empresas no Rio Grande do Norte, sempre com a utilização de armamento pesado. A operação foi realizada pela Divisão de Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor) e batizada de ‘Alpha Bravo’.

Segundo a Delegacia Geral da Polícia Civil (Degepol), as investigações tiveram início com um assalto ocorrido no dia 16 de setembro de 2017, quando uma quadrilha tentou roubar um malote de dinheiro que seria depositado no Banco do Brasil da Av. Prudente de Morais, na Zona Leste de Natal.

Além dos presos, a Deicor ainda apreendeu armas, munições, placas frias, documentos falsos de veículos (Foto: Polícia Civil/Divulgação )
Além dos presos, a Deicor ainda apreendeu armas, munições, placas frias, documentos falsos de veículos (Foto: Polícia Civil/Divulgação )

Ainda segundo a Degepol, no momento do crime um dos assaltantes foi morto ao trocar tiros com um policial civil que percebeu a ação dos criminosos. Ele foi identificado como José Augusto de Medeiros Sena, apontado como participante do assalto ao Banco Central de Recife e do assassinato de um turista espanhol.

Além dos presos, a Deicor ainda apreendeu armas, munições, placas frias, documentos falsos de veículos.
G1RN