Execução de dono de lava jato marca o 1° homicídio do ano em Mossoró

Mossoró registrou o primeiro homicídio de 2020. O crime neste sábado, na comunidade da Maísa, zona rural do município.

Aldivan Patrício de Oliveira, conhecido por “Nem do Lava-Jato”, 31 anos, foi executado com vários tiros dentro de sua casa, onde também funciona um lava-jato de sua propriedade.

Segundo informações da Polícia Militar, dois homens em uma motocicleta chegaram ao imóvel e atiraram várias vezes contra a vítima. “Nem do Lava-jato” foi atingido com três disparos de pistola na cabeça e morreu na hora. Os criminosos fugiram e até o momento não foram localizados.