Mais da metade dos candidatos faltaram as provas do concurso da Polícia Militar do RN realizadas neste domingo

G1RN

Mais da metade dos candidatos inscritos para o concurso da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, cujas provas foram aplicadas neste domingo (24), não compareceu aos locais para fazer as provas; De acordo com o Ibade, banca organizadora do concurso, 60% dos concorrentes não compareceram as salas de aulas para durante o concurso.

O certame registrou um toral de 12.841 inscritos para mil vagas de praças da PM. As provas aconteceram em Natal, Mossoró e Caicó e, de acordo com com a banca organizadore do concurso, a aplicação das provas ocorreu com tranquilidade e dentro da normalidade esperada, sem ocorrências em todos locais.

A divulgação das notas das provas objetivas está prevista para 17 de outubro. Os aprovados em todas as etapas do concurso só devem ingressar na Polícia Militar em 2019. O curso de formação demora 10 meses. O déficit no efetivo, da Polícia Militar no Rio Grande do Norte, segundo a PM, é de cinco mil policiais.

Ainda não há informações concretas, sobre o porque de tanta desistência, já que os norteriograndes cobravam do estado a realização de concurso para os quadros da PM.