MENINA QUE ENGRAVIDOU DO PADRASTO ERA ABUSADA DESDE OS NOVE ANOS; SUSPEITO CONTINUA FORAGIDO

2928

A menina de onze anos que deu à luz um bebê em João Pessoa neste final de semana estava sendo estuprada por seu padrasto há cerca de dois anos.

A delegada que investiga o caso, Joana Dark, nesta segunda-feira (11), contou que a mãe da menina garantiu não ter ciência do crime. Para a polícia, não há dúvidas de que o companheiro da mulher seja o pai do bebê.

A policial informou que a mãe da vítima só começou a desconfiar dos abusos quando sua filha começou a menstruar, aos dez anos, e depois parou. Foi esse fato que a impeliu a levar a garota até um médico, onde foi constatado que ela já apresentava cinco meses de gravidez.

Quando indagada, a menina revelou que estava sendo estuprada pelo padrasto há anos. Quando o acusado soube do relato, se evadiu e está foragido. A identidade dos personagens desse caso estão sendo mantidas em sigilo de Justiça para preservar os menores.

Relembre – Por conta da pouca idade, a mãe enfrentou uma série de problemas de saúde, teve uma eclâmpsia, precisou ser sedada e chegou a ficar internada na UTI, mas conseguiu se recuperar e agora passa bem e deve receber alta na próxima terça-feira (12). O bebê nasceu com cerca de três quilos e saudável.

Yves Feitosa/David Martins