Na lista dos mais procurados do país, preso em operação escondia quase R$ 20 mil em pé de mesa e panela

Durante a prisão de um dos criminosos mais procurados pela Justiça, Luciano Castro de Oliveira, conhecido como “Zequinha”, a polícia encontrou R$ 18 mil escondidos na cozinha do sítio onde ele foi encontrado, em Tejupá (SP), na manhã desta quinta-feira (17).

Segundo a Polícia Civil, R$ 10 mil foram achados dentro do pé de uma mesa e R$ 8 mil estavam em uma panela.

Conforme o Ministério da Justiça, Luciano, de 46 anos, era procurado por crimes contra o patrimônio, organização criminosa e lavagem de dinheiro. Ele agia em todos os estados do país e também no Mercosul, e está na lista de foragidos do Ministério da Justiça, com nomes de criminosos envolvidos em crimes graves e violentos.

Segundo a polícia, Zequinha foi preso em um sítio no bairro rural Nova Piraju, em Tejupá, com a esposa de 42 anos. Ele foi capturado durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão, após cinco meses de investigação.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), foi realizado um esquema estratégico que envolveu equipes da Força Tática, Polícia Militar, Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Avaré, além da Polícia Ambiental e o efetivo especializado do Comando de Policiamento do Interior, com apoio de drone e cães farejadores. O caso será apresentado na delegacia de Avaré.

G1