Mês de Maio, mês de Maria Mãe de Jesus Cristo

Mês de Maio, mês de Maria Mãe de Jesus Cristo o Criador e salvador do Universo. Capela de São Francisco de Assis Município de São Francisco do Oeste Rio Grande do Norte. Novenas do mês de Maio.
Tema Geral: Maria Defensora da Vida e Protetora dos Aflitos:
Programação do Mês de Maio 2011.
15/05/2011 – Domingo – 19h00min horas
Dedicado: A Todas Familias 
Responsáveis: A Equipe da Igreja   

Plantão Policial na Quebrada Velha de Guerra

Plantão Policial na Quebrada Velha de Guerra.  

Ontem pelas 7 horas da noite, foi preso no bairro vila nova a pessoa conhecida por “Neto”, filho de “Basilia”. Neto reagiu à prisão, mais logo foi dominado. O motivo da prisão foi porque Neto estava ameaçando sua mãe, ou seja, mais um preso pela Lei Maria da Penha. Estes Cabras não tomam jeito mesmo, enchem a cara de Barda não têm coragem de peitar outros no meio da Rua e querem se vingar nas Mulheres deles ou nas Mamães. Um Cabra deste merecia ficar uns 03(três) Anos no Xilindró sem ver a cor do Planeta Sol.   

Veja no Jornal Gazeta do Oeste

SUS inicia auditoria nos mamógrafos do país

No Rio Grande do Norte existem 33 equipamentos em 12 municípios auditados
Postado em 13/05/2011 às 10:57 horas por Bruno Soares na sessão Saúde
O Ministério da Saúde iniciou ontem uma força tarefa para realizar auditorias em mamógrafos de 823 municípios, em todos os estados e no Distrito Federal. A ação vai mapear a situação dos aparelhos de mamografia no Brasil, começando pelas 27 capitais.
 A partir dos dados coletados, será possível melhorar o funcionamento e a distribuição dos aparelhos, garantindo a ampliação e o acesso aos exames de rastreamento do câncer de mama.
 Segundo registros do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), cerca de 2.190 mamógrafos são mantidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) ou redes conveniadas.
 Esse número é variável, pois pode ser atualizado pelas Secretarias Estaduais e Municipais. Até 17 de junho, esta visita técnica de vistoria acontecerá em todas as unidades de saúde que possuem mamógrafos mantidos pelo SUS.
 No Rio Grande do Norte existem 33 equipamentos em 12 municípios auditados.
 Participam da força tarefa cerca de 700 auditores do Departamento Nacional de Auditoria do SUS (DENASUS), que coordena a iniciativa, em parceria com funcionários dos serviços e divisões de auditoria e da vigilância sanitária dos 26 estados e do Distrito Federal.
 O diretor do Denasus, Adalberto Fulgêncio, explica que serão levados em conta fatores como a quantidade de exames produzidos em um determinado intervalo de tempo, localização, marcas e modelos dos aparelhos.
 Também serão registradas informações do quadro de profissionais de saúde envolvidos na operacionalização dos mamógrafos, como médicos (radiologistas, mastologistas, oncologistas), enfermeiros e técnicos em radiologia.
 De acordo com Fulgêncio, os dados serão compilados em um relatório, que será entregue ao ministro da Saúde, Alexandre Padilha, e ao secretário de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério, Odorico Monteiro, até o fim do mês de julho.
 O documento servirá de base para o desenvolvimento do Plano Nacional de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer de Colo de Útero e de Mama, lançado pela presidenta Dilma Rousseff, em março de 2011.
 Fonte: Ministério da Saúde

Charge do Jornal de Fato Mossoró/RN, Alterada por Cobra

Vamos acabar com a dengue, somos todos responsáveis não é só o Poder Público Zé  

Veja no Jornal Omossoroense hoje

sandra_rosado_na_formatura_de_medicina

Deputada Sandra Rosado destaca luta pela instalação do curso de Medicina em cerimônia de colação de grau

A deputada federal Sandra Rosado (PSB) fez um dos discursos mais emocionantes na colação de grau da primeira turma de Medicina da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), anteontem à noite, no Hotel VillaOeste, em Mossoró.
Sobretudo quando relembrou a trajetória de trabalho que culminou com a realização de um sonho: a criação da Faculdade de Ciências da Saúde (Facs) da Uern, o que corrigiu a injustiça da não-existência de curso de Medicina no interior do Rio Grande do Norte.
Porque, segundo ela, a instituição do curso virou chance dos alunos pobres do Oeste, que não possuem condições financeiras para sair da região, de concorrer ao vestibular para medicina numa universidade pública, gratuita e de qualidade.
Sandra Rosado relembrou as dificuldades iniciais para implantação do curso: “No início, poucas autoridades criam na capacidade de Mossoró formar bons profissionais na área de saúde, mesmo com a experiência vitoriosa do Curso de Enfermagem da própria Uern.”
E acrescentou: “Quando propus a implantação do curso de Medicina, chamaram-me de “louca”. Tudo em nome de interesses os quais nunca busquei entender, pois jamais me intimidaram”.
Em 29 de novembro de 2000, então deputada estadual, Sandra Rosado submeteu à Assembleia Legislativa o projeto de lei de criação da Faculdade de Ciências da Saúde e do Curso de Medicina. “Fomos adiante. Conseguimos 17 mil adesões ao manifesto elaborado em apoio à proposta em trâmite no Poder Legislativo. O povo entendeu que a proposta era viável e, além das questões de saúde pública, representava a democratização do ensino”, frisou.
A deputada também reconheceu a sensibilidade dos ex-governadores Garibaldi Filho (PMDB) e Wilma de Faria (PSB) para a consolidação do curso de Medicina: Garibaldi sancionou o projeto em 29 de outubro de 2001 e fez os primeiros aportes financeiros; Wilma consolidou a estrutura, dotando-a das condições necessárias, em 2005.
Também ressaltou o esforço individual de dois abnegados pela educação no Rio Grande do Norte: professor Francisco das Chagas Silva, que redigiu e acompanhou passo a passo a execução do projeto; Carlos Ernani Rosado Soares, professor de todos os médicos formados pela UFRN até 1995, coordenador da equipe designada para implantar o curso.
“Também é oportuno enaltecer o papel da governadora Rosalba Ciarlini, tanto por sua contribuição na prefeitura quanto pela chancela ao reconhecimento do curso pelo Conselho Estadual de Educação”, reconheceu.
E enfatizou a importância do curso de Medicina da Uern para formação de médicos no interior para que, na medida do possível, mantenham-se em suas cidades ou próximos a elas, a fim de que “assistam nossa gente, especialmente os desvalidos, com ética, competência e generosidade, enxergando em cada paciente a pessoa mais amada”.

Charge de Sinfrõnio no Diario do Nordeste Ceara, alterada por Cobra

Você vai deixar ele me bater, não estou vendo nada de errado na Quebrada Velha de Guerra. Saia da ai de traz de mim se não paga mal   

Materia do Blog Nossoparana

SEXTA-FEIRA, 13 DE MAIO DE 2011

TRT-RN na TV: Justiça & Trabalho explica direitos de pais e mães trabalhadoras

O programa Justiça & Trabalho desta semana traz uma reportagem especial sobre os direitos dos trabalhadores à licença maternidade e paternidade, ouvindo médicos, psicólogos, juízes, pais e mães trabalhadoras.

Os altos índices de acidentes de trabalho no Brasil motivaram a Justiça do Trabalho a realizar uma campanha estimulando a prevenção e a redução desses números. O Justiça & Trabalho desta semana exibe o filme tema da campanha.

Na entrevista com o jornalista Manassés Campos, o juiz titular da 2ª Vara do Trabalho de Natal, Manoel Medeiros Soares de Sousa, analisa a importância social do magistrado do trabalho e sua interação com o contexto social onde atua.

Produzido pela assessoria de comunicação do TRT-RN, o Justiça & Trabalho é veiculado nacionalmente pela TV Justiça, aos sábados (17h30), segundas (10h) e quintas-feiras (11h30) e pode ser visto também pela Cabo-Telecom (canal 33), Direct TV (canal 209), Sky (canal 117) e Jet TV (canal 26).

*Ascom/TRT 21ª Região

Mane da Tripa e Mimi

Mane da Tripa por que você esta com tanto Ca guete, não posso dizer Mimi    

Pagina do Governo Federal



















PAC do Saneamento destina R$ 5 bilhões para municípios com menos de 50 mil habitantes.


Na primeira etapa serão disponibilizados R$ 3,2 bi
Os municípios com menos de 50 mil habitantes receberão R$ 5 bilhões para investimentos na área de saneamento básico. O investimento faz parte do PAC Saneamento, anunciado pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior, durante a Marcha dos Prefeitos, esta semana. Ao todo, são 4.855 municípios beneficiados, que concentram 32% da população brasileira.
O novo programa estabelece critérios de seleção. Nessa primeira etapa serão disponibilizados R$ 3,2 bilhões, sendo que parte desse financiamento (R$ 1 bilhão) será efetuado por meio do Ministério das Cidades (MCidades) e outros R$ 2,2 bilhões provenientes do Orçamento Geral da União (OGU) via Fundação Nacional de Saúde (Funasa). O critério de contratação terá como inovação a dispensa da contrapartida do OGU.
Na modalidade de abastecimento de água, com valor de investimento de R$ 1,2 bilhão, o objetivo é a ampliação da cobertura, melhoria e regularidade no atendimento, e redução de doenças causadas pela falta de saneamento básico. As principais ações apoiadas são: captação e estação de tratamento de água, estações de bombeamento, adução, rede de distribuição, ligações prediais e intradomiciliares.
Para a implementação de esgoto sanitário o recurso disponível será de R$ 1,7 bilhão para aumento da cobertura de coleta e tratamento, proteção dos mananciais, despoluição de cursos d’água e redução de doenças causadas pela falta de saneamento básico. As ações apoiadas incluem redes coletoras, estações de bombeamento e de tratamento, interceptores e emissários.
Estarão disponíveis ainda R$ 300 milhões para que os municípios possam elaborar projetos de sistema de abastecimento de água e esgotamento sanitário, diagnóstico de situação, estudos de concepção e projeto básico e executivo.
Saiba mais – As cartas-consultas devem ser encaminhadas por formulário eletrônico disponível no portal do Ministério das Cidades (www.cidades.gov.br) e da Funasa (www.funasa.gov.br), no período de 15 de junho a 15 de julho.

Plantão no posto de saúde





Plantão no Posto de Saúde do Município de São Francisco do Oeste/RN.

Atendimento a Saúde Pública.  Obrigação do Município, do Estado e da União por meio das Unidades de Saúde Brasil afora e nos rincões das Quebradas é gerenciada pelas Prefeituras Municipais através de uma Secretaria de Saúde Pública. Aqui na Quebrada Velha de Guerra a Saúde é gerenciada por uma Secretaria tendo como gestor uma pessoa nomeada para o Cargo de Secretario (a) que tem a incumbência de administra tudo sobre a Saúde no Município e a mesma deve ter um mínimo de autonomia para tratar a coisa Pública que é muito complexa e porque não dizer uma das mais complexas da Administração Pública. No caso do nosso município esta deixando a desejar e vamos às pendengas, é fato que a Secretaria não tem autonomia para gerenciar as ações da pasta de Saúde Pública todos já sabem e por conta disto fica mais difícil resolver a demanda que não é pouca e complexa, uma delas diz respeito aos medicamentos obrigatórios ter na Farmácia Básica do Posto, outro ponto negativo diz respeito à falta de cuidado nas marcações de Exames, estão marcando exames errados como temos a prova nos últimos dias, outro ponto muito grave diz respeito a medicamentos vencidos na Farmácia Básica do Posto como já foi constatados 03 (três) casos conforme depoimento de pessoas e olha que se tem os nomes e endereços das mesmas que foram vitima deste descuido que já não é mais coincidência, coincidência seria se fosse um caso, mais de um caso dar a entender que estão comprando Remédio vencido ou próximo a vencer. Os casos confirmados de Medicamento Vencido no Posto de Saúde é grave rapaziada, muito grave mesmo e diante disto aconselho tomarem bastante cuidado no que fazem, o assunto esta prestes a chegar a Promotoria de Justiça como era feito ate poucos meses atrás. Fica a nossa observação                 

Materia da pagina da CONTAG

CONTAG SAI DO MINISTÉRIO DO ESPORTE COM PROPOSTA CONCRETA
13/05/2011
Dez negociadores da Contag acompanharam os diretores Elenice Anastácio, secretária de Joves, e Natalino Cassaro, secretário de Terceira Idade, em mais uma rodada de negociações do Grito da Terra Brasil, o GTB, 2011. A comitiva deixou o Ministério do Esporte, nesta terça-feira, 12, satisfeita com a proposta do ministro Orlando Silva para a política de esportes no campo
Reivindicando uma política esportiva mais ativa no campo para evitar o êxodo rural dos jovens, a secretária da pasta da Contag, Elenice Anastácio, questionou os motivos do Ministério do Esporte nunca ter atendido a pauta do GTB. “Já faz tempo que pedimos a criação de novas quadras poliesportivas em municípios estratégicos. É um pedido de várias pautas do GTB que sempre enviamos e ele nunca foi atendido”, afirmou Elenice.
 Contudo, o ministro Orlando Silva, desta vez, propôs um convênio com a Contag para atender as reivindicações o mais rápido possível. “O objetivo é implantar em cada estado uma paerte do Programa de Esportes e Lazer das Cidades (Pelc). Colocar pelo menos um núcleo em um município rural de cada estado do Brasil e, se der certo, tentar crescê-lo. Se começarmos agora, no próximo ano, no próximo Grito já teremos alguma resposta concreta se deu certo ou não. O Pelc é uma medida prática”, sugeriu o ministro.
 Além do Pelc, Orlando Silva também propôs a construção de academias para a terceira idade espalhadas pelo País. À Contag fica o serviço de mapear as cidades beneficiárias e orçar a construção de tais academias. “Essas academias custam, aproximadamente, R$ 30 mil. Com R$ 3 milhões dá pra construir 100 academias para atender à terceira idade rural”, detalhou Orlando Silva.
 Prazo
 Uma nova reunião, com quórum reduzido, acontece nesta manhã, 13, também no Ministério do Esporte para definir os prazos de construção e entrega das propostas do ministro. “Vamos publicar uma portaria durante o Grito da Terra decretando o prazo de 30 dias para resolver a implantação das academias da terceira idade e do Pelc”, assegurou Silva.
 Fonte: Agência Contag de Notícias – João Paulo Biage

Mês de Maio, mês de Maria Mãe de Jesus Cristo

Mês de Maio, mês de Maria Mãe de Jesus Cristo o Criador e salvador do Universo. Capela de São Francisco de Assis Município de São Francisco do Oeste Rio Grande do Norte. Novenas do mês de Maio.
Tema Geral: Maria Defensora da Vida e Protetora dos Aflitos:
Programação do Mês de Maio 2011.
13/05/2011 – sexta-feira – 19h00min horas
Dedicado: As Escolas  
Responsáveis: A Equipe da Igreja   

Xi, não é um Santo

Rede municipal paralisa atividades

Pau dos Ferros – Os professores da rede municipal de ensino decidiram paralisar as atividades no município, alegando falta de diálogo com a Prefeitura. A categoria reclama da falta de estrutura do setor, tanto no cumprimento dos planos salariais quanto na estrutura de trabalho. O movimento paredista foi deflagrado na noite de sexta-feira, 8, embora a Prefeitura só tenha sentido o impacto ontem.
Dizem que em Pau dos Ferros quem administra é um Deus do Céu da Boca de Uma Onça.  

Veja nas Paginas dos Jornais do RN

rosalba_3

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe continuará no RN até a próxima sexta-feira (20
Governo envia à Assembleia projeto de Lei que autoriza renegociação de dívidas
A governadora Rosalba Ciarlini participou nesta quinta-feira, 12, da abertura da 20ª edição do Brazil National Tourism Mart (BNTM). O evento, promovido pela Fundação Comissão de Turismo Integrado do Nordeste – CTI/Nordeste, tem como objetivo vender o produto turístico nordestino nos mercados nacional e internacional.

Materia da pagina da CONTAG

MDA DISCUTE QUESTÕES AGRÁRIAS COM A CONTAG
13/05/2011
Nesta quinta-feira (12), aconteceu na sede do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) uma reunião com a Secretaria Executiva provocada anteontem a partir da audiência com a Secretaria de Reordenamento Agrário/MDA. Segundo o secretário de Política Agrária da Contag, Willian Clementino, foi feita uma avaliação política de que a pauta do Grito da Terra na área de Política Agrária não vinha avançando. Nesse sentido, a secretária executiva, Márcia Quadrado, recebeu a comissão de negociação composta pelo dirigente, representação de todos os estados e também da secretária de Jovens, Elenice Anastácio e da vice-presidente e secretária de Relações Internacionais, Alessandra Lunas.
Os pontos discutidos na audiência foram o governo estabelecer metas de assentamentos de famílias para reforma agrária em 2011; MDA buscar suplementação de recursos para assistência técnica e extensão rural; avançar na questão do decreto 6672 que trata de recursos do Subprojeto de Infra- Estrutura Comunitário (SIC) para as contas dos assentamentos do crédito fundiário, em função do fim do acordo de empréstimo com o Banco Mundial.
 Outro item de debate foi sobre a Lei 11.775 que trata da renegociação de dívidas, seja dos agricultores (as) do crédito fundiário ou do Pronaf. A reclamação, segundo Clementino, é que os trabalhadores(as) rurais e agricultores(as) familiares não estão conseguindo acessar essa lei. Por outro lado, o PL 362 que trata da sucessão rural, o movimento sindical quer uma gestão do ministério em torno da aprovação dessa lei que permite a compra entre parentes pelo Programa Nacional de Crédito Fundiário.
 “Reivindicamos também ao MDA que crie uma estrutura de fato para trabalhar a juventude tendo em vista o índice muito alto de envelhecimento no campo. Por isso, o meio rural necessita de políticas públicas, em especial de educação”, destaca o dirigente.
 Depois de todo esse debate, o secretário informa que o MDA sinalizou a vontade de resolver parte dos problemas apresentados. Em outros pontos, pediu um tempo maior para analisar os casos. “Ficamos satisfeitos porque fomos atendidos. Entendemos que muitas questões que estavam tramitando no Incra e nas secretarias do MDA dependem de posicionamento político do ministro e de sua equipe de governo”, afirma Clementino.

Charge de Sinfrõnio no Diario do Nordeste Ceara, alterada por Cobra

Charge

Mane da Tripa porque você fez isso, o que foi que eu fiz Zizi, você passou por cima de um Bacurau do Pé roxo Home   

Plantão Policial na Quebrada Velha de Guerra.

Plantão Policial na Quebrada Velha de Guerra.
  
Policiais destacados em São Francisco do Oeste e Tabuleiro Grande amanhecem o dia na BR 405 fazendo blitz. Desde as 4h da madrugada os policiais revistavam veículos e pessoas que transitavam pela rodovia federal. Segundo informações o mesmo acontece em todas as rodovias estaduais e federais do Alto Oeste Potiguar, na chamada “Tromba do Elefante”, mais precisamente na jurisdição do 7º Batalhão de Polícia Militar sediado em Pau dos Ferros/RN.

Pra inicio de conversa

Casal é baleado e mulher acaba morrendo, isto em Mossoró aonde a violência chegou ao extremo.
Assaltantes deixam cair R$ 20 mil em fuga após roubarem uma empresa. Puxa era muita gaita mesmo só que alheia.
 Bombeiros orientam proprietários de prédios a adotar medidas de segurança, tem deles quase caindo e ninguém faz nada.
 Drama das famílias às margens do Apodi na chamada vargem do Apodo, este drama é bem antigo.
 Justiça manda chamar servidores de volta na Cidade de Pendência, os mesmos tinha passado em Concurso e o atual Gestor mandou em embora, na Justiça eles conseguiram reverter o quadro e o Prefeito vai pagar os estragos, aqui queriam fazer o mesmo mais desistiram a tempo    
 Ausência de vigilância sanitária É investigada em três municípios, autoridade da Vigilância sanitária estão investigando o descaso em alguns Municípios, devia dar uma chegadinha na Quebrada Velha de Guerra diante do desprezo dando pelo Executivo aos Servidores da área que não tem um lugar adequado para trabalhar.    
Dnocs cria Grupo de Trabalho de Segurança de Barragens, o Departamento Nacional de Obras Contra a Seca – DNOCS esta preocupado com os reservatórios e aqui no Município quem cuida da parede do Açude Público.
Audiência pública realizada na AL debate média e alta complexidade no setor de Saúde Pública, a coisa esta feia em todo Pais e o Cidadão paga o pato  
Sarney elogia ‘reforma política fatiada’ e acredita em votação, uma reforma Política só prestava se os Larápios não pudessem ser Candidatos a nada inclusive ele o Sarney
Campanha de vacinação contra a gripe termina amanhã em todo o país, quem não tomou a vacina var ao Posto de Saúde e tome vacina
PRF inicia hoje o primeiro “Comando de Saúde” 2011 nas estradas federais.
Governo aceita proposta de Aldo Rebelo sobre recomposição de reserva legal, diz líder do PT na Câmara, isto no que diz respeito ao Código Florestal que mexe com todos nos claro porque se quer preserva a Natureza
Comissão aprova projeto de Sandra Rosado que promove divulgação de exames preventivos.
José Agripino afirma que não há condições de PSD e DEM ocuparem o mesmo palanque, este nem Jesus é bom pra ele alias nunca a vi falar em Deus o animal é ateu mesmo
Em audiência de prestação de contas, secretário da Saúde diz que 70% dos recursos são para a folha. Isto no Estado, caramba como tem Cabide sem palito Zé  
Piloto de aeronave da FAB e tripulante estão mortos, segundo PM. O Avião caiu hoje entre Ceara Mirim e Natal.  
Secretaria apresentará novo larvicida para controle da dengue, a Dengue só será erradicada se a população contribuir Mane das Tantas
SEEC se reúne com SINTE/RN e afirma que 61% das escolas continuam com ritmo normal de aula. O problema não é a Greve da categoria seu Mane da Onça, o Problema é a falta de Professor nas Salas de Aula
Eles estão certos em reivindicar melhores Salários e  melhor condição de trabalho,  Concursos Público já para repor a falta de Professor.    

Materia do Gazeta do Oeste

Os policiais civis do Rio Grande do Norte vão à Assembleia Legislativa, ainda na tarde desta quarta-feira, 11, reivindicar dos deputados estaduais a interlocução junto ao Governo do Estado para que se cumpra a Lei 417/2010, aprovada pelos próprios parlamentares, que deveria ter sido implantada em abril, e está prevista, inclusive, no Orçamento 2011.
 A ação faz parte de vários movimentos aprovados em assembléia permanente da categoria, instalada na manhã de hoje na sede do Sindicato dos Policiais Civis (SINPOL/RN). Também ficou definida a realização de um acampamento na Governadoria, a partir desta quinta, 12, às 8h.
ENTENDA A GREVE – Desde que a governadora Rosalba Ciarlini assumiu, a categoria vem dialogando para o cumprimento da Lei em 2011 e outras reivindicações da pauta, como a convocação dos concursados de 2009. Desde então, a diretoria do SINPOL/RN tentava audiência com o secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Aldair da Rocha, que só recebeu os representantes na sexta passada, 6.
 Na ocasião, o gestor informou que a conclusão do relatório sobre o limite prudencial – em respeito à Lei de Responsabilidade Fiscal – ocorre somente até o final da primeira quinzena de maio. E só com essa divulgação é que o Estado poderá sinalizar para a implantação do Plano de Cargos e Salários, ou seja, o enquadramento nos níveis para as carreiras de Agentes e Escrivães da Polícia Civil.
 O vice-presidente do Sinpol/RN, Djair Oliveira, observa que na assembleia extraordinária da última quarta-feira, 5, os policiais civis aprovaram também o indicativo de greve por tempo indeterminado para início no dia 17. Segundo enfatiza, a paralisação já está definida e só não ocorre caso o Governo negocie com a categoria.
Pesa para a insatisfação dos agentes e escrivães, o fato dos delegados conseguirem, através do Tribunal de Justiça, a antecipação do pagamento do Plano deles que, segundo acordo com a gestão passada, só seria implantado em outubro próximo. “Com valores mais altos e contemplando menos servidores”, ressalta o Sinpol/RN.
 Fonte: Assessoria do Sinpol/RN
Foto: Policiais civis durante assembleia hoje, na capita

Materia da pagina da CONTAG

BOA RELAÇÃO FACILITA NEGOCIAÇÕES COM A PREVIDÊNCIA
12/05/2011

Uma comitiva da Contag com mais de vinte pessoas esteve no Ministério da Previdência Social (MPS), na tarde de hoje, 11, para mais um dia de negociações do Grito da Terra Brasil, o GTB, 2011. O bom relacionamento entre Contag e MPS facilitou as conversas que trataram, entre outros assuntos, do descontingenciamento dos quase R$ 400 mi destinados ao Ministério e da construção e liberação de novas agências do INSS por todo país.
Trocas de elogios foram a tônica do início da reunião. O presidente da Contag, Alberto Broch, aprovou o entendimento entre a confederação e o MPS. “Nos primeiros anos de Grito da Terra, aqui, talvez, fosse o local em que as negociações mais emperravam. Agora temos um bom diálogo e uma boa relação que ajuda, não só no atendimento da pauta do GTB, como também no relacionamento diário”, afirmou Broch.
Carlos Eduardo Gabas, secretário executivo da casa e ex-ministro da Previdência Social, ratificou a afinidade. “A gente tem mantido um diálogo permanente e é por isso que quando chegamos ao GTB não temos pautas acumuladas. Esse é um ponto muito positivo da relação Contag-MPS”, confirmou.
O secretário José Wilson, responsável pela pasta de Políticas Sociais, releu a parte da pauta do GTB destinada ao MPS e deu ênfase à três pontos: a liberação do dinheiro, a regulamentação da Lei 11.718/2009, que trata, entre outros da assistência aos assalariados rurais, e o advento de novas agências do INSS. “É importante que os trabalhadores rurais tenham esse auxílio e saia do anonimato. São 4,7 milhões de trabalhadores que necessitam dessa assistência”, alegou o secretário, sem esquecer outro ponto da pauta de igual importância. “Estamos pedindo concessão de licença maternidade de 180 dias para trabalhadoras rurais. Achamos isso justo”.
Novas Agências
O questionamento da Contag sobre novas agências teve um capítulo positivo na reunião desta tarde. O presidente do Instituto Nacional de Seguro Social, INSS, Mauro Luciano Hauschild, confirmou que as agências construídas em todo o Brasil deve iniciar seu funcionamento até o final de maio. “Será assinada a minuta de decreto para o funcionamento. As agências já foram aprovadas na câmara e no senado e aguarda a sanção presidencial para iniciar o funcionamento”, assegurou Hauschild.
A construção de novas agências, apesar de serem difíceis de acontecer, não está descartadas. “Não há orçamento para a construção de novas agências. Contudo, vamos fazer um leilão de imóveis que visa o comprometimento do comprador em instalar nesses imóveis agências do INSS”, detalhou o presidente do instituto.
Assistência Médica
Uma reclamação que ganhou voz na reunião foi o péssimo atendimento por parte dos médicos aos trabalhadores rurais. “Eles tratam os pacientes muito mal. Às vezes parecem enojados de tocar nos trabalhadores”, indignou-se José Wilson.
Carlos Eduardo Gabas endossou a reclamação e também protestou. “Chegamos a um ponto que o médico olha para as unhas das mulheres para saber se é trabalhadora rural ou não para mudar a forma de tratamento. É um absurdo”, finalizou.
Fonte: Agência Contag de Notícias – João Paulo Biage