Nota da Previdencia Social

Da Redação (Brasília) – Devido ao feriado de Carnaval, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) interrompe o calendário de pagamentos no período de 7 a 9 de março. Os aposentados, pensionistas e demais segurados que recebem acima do piso e têm cartão com final 5 ou 0 – desconsiderando-se o dígito- recebem o pagamento de seus benefícios na quinta-feira(10). Na mesma data, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deposita o pagamento para quem recebe até um salário mínimo e tem cartão com final 0, desconsiderando-se o dígito.

A folha de fevereiro paga 28.249.297 benefícios até o dia 10 de março, injetando na economia do país R$ 20.654.240.856,24. Deste montante, R$ 16.539.236.701,41 destinam-se ao pagamento de 19.852.272 benefícios urbanos e R$ 4.115.004.154,83 estão sendo utilizados para o pagamento de 8.397.025 benefícios rurais.

Cronograma – Os segurados do INSS podem acompanhar o calendário de pagamentos de 2011 pelo site da Previdência Social. Basta acessar o ícone “Agência Eletrônica: Segurado” e seguir as datas pela tabela de pagamento de benefícios de 2011. Cartazes com o cronograma também foram distribuídos à rede bancária e às Agências de Previdência Social.

Dúvidas sobre as datas do pagamento também podem ser esclarecidas com os operadores da Central 135. A ligação é gratuita a partir de telefones fixos ou públicos e tem custo de chamada local, quando feita de celular.

Informações para a Imprensa
Ligia Borges
(61) 2021-5113
Ascom/MPS

Policiamento reforçado no Carnaval Moçada, brinquem com respeito OK

INFORMATIVO O COBRA -2011
04/03/2011:. Policiamento reforçado durante o período momesco
O Destacamento Policial Militar de São Francisco do Oeste/RN, terá seu policiamento reforçado diariamente, durante o período momesco. Segundo informou o Cabo Rosano, o município a partir de hoje, contará em média com cinco policiais de serviço vinte e quatro horas, até a quarta-feira de cinzas. “Mesmo sem a realização de festividades carnavalescas na cidade, é importante a atenção redobrada por parte da polícia, pois alguns deliquentes se aproveitam da suposta diminuição do movimento de pessoas pelas ruas, para praticarem delitos como furtos e dano ao patrimônio”. Disse o Cabo Rosano.

Charge do Jornal o Mossoroense – RN


O Carnaval da lisura e liso vou ?

Charge de Sinfrõnio no Diario do Nordeste Ceara


Os contra a Bolsa que se dane, mais vou pagar pra quem é ?  

Serviço bem feito

INFORMATIVO O COBRA -2011
03/03/2011:.Serviço bem feito:. Esta ficando ótimo o serviço que esta sendo feito na Rua da Independência onde tem um abrejo de muitos e muitos anos, um serviço de gente grande arcando o velho Calçamento e fazendo um novo dando um destino a Água acumulada na área, limpando o mato arcando pelo tronco coisa que nunca fizeram. Tenho que elogiar onde esta legal OK      

Saúde é coisa seria

INFORMATIVO O COBRA -2011
03/03/2011:.Um esforço terrível. Hoje tinha um Medico no Posto de Saúde do Município que deve ter feito um esforço extraordinário para atender uma multidão de pessoas a espera de uma consulta, quem esteve por lá nos informou que o Medico precisaria atender umas 80 Pessoas, é uma tarefa difícil para um Profissional seja ele de que área for, é muita gente e se assim foi ai é que justifica um Medico diariamente. É preciso rever este atendimento, é preciso ter Medico todo dia no Posto e não deixar se forma uma multidão para ser atendida em um só dia como se fosse uma revoada de Pássaros a procura D’água. È preciso repensar o atendimento na área da Saúde do município senhores gestores. Não brinquem com coisa seria.                                                           

Justiça Federal em Pau dos Ferros -RN

Dia 25 de março será inauguração da Vara da Justiça Federal de Pau dos Ferros

No próximo dia 25, às 10h30, acontecerá a solenidade de inauguração da Vara da Justiça Federal em Pau dos Ferros. A cidade passa a contar com toda estrutura do Judiciário Federal, onde terá dois Juízes Federais e servidores.
 A instalação da Vara em Pau dos Ferros faz parte do processo de interiorização da Justiça Federal. “As pessoas serão atendidas em unidades mais próximas das suas residências, evitando deslocamentos onerosos e cansativos. Ganha a sociedade, notadamente a camada mais pobre”, destacou o Diretor do Foro da Justiça Federal do Rio Grande do Norte, Juiz Federal Ivan Lira de Carvalho

Juizados Especiais Federais

Juizados Especiais Federais no RN julgam mais de 22 mil processos em um ano
            Os Juizados Especiais Federais no Rio Grande do Norte alcançaram uma grande marca com a estatística do ano de 2010. Foram julgados 22.673 processos nas cinco Varas dos Juizados Especiais no Estado potiguar.
            A 3ª Vara, instalada em Natal, julgou 7.003 processos. Já a 8ª Vara, em Mossoró, aponta a estatística de 4.971. A 10ª Vara, também na capital do Oeste, julgou 2.187 processos. A 7ª Vara, instalada em Natal, julgou 6.529 processos. A 9ª Vara, em Caicó, julgou 1.983.

            Nos Juizados Especiais Federais tramitam ações de até 60 salários mínimos. O grande número de processos julgados dá uma mostra do empenho de Juízes e Servidores. Outra característica do Juizado é a celeridade no trâmite processual

Materia da Pagina do Tribunal de Justiça

03/03/2011 – Judiciário firma parceria sobre campanha nacional
A presidente do Tribunal de Justiça potiguar, desembargadora Judite Nunes, e a desembargadora Maria Zeneide Bezerra, que coordena os projetos sociais desenvolvidos pelo Judiciário estadualk  visitaram a Câmara Municipal, nesta quinta-feira, 03 de março, para tratar de um assunto que será tema de campanha nacional: o reconhecimento de paternidade.
As representantes da Corte de Justiça propuseram parcerias com a Casa Legislativa, no sentido de viabilizar os processos judiciais que envolvem o reconhecimento de paternidade, uma das metas  de 2011,que receberá atenção especial do CNJ e Tribunais de Justiça de todo país.
Durante a visita, a presidente do TJ apresentou as problemáticas que envolvem o assunto e convidou a Câmara a participar do projeto como parceira. A desembargadora Judith chamou atenção para um prévio levantamento feito aqui no Estado, onde aponta um média de 20 mil crianças que não possuem o nome do pai em seu registro de nascimento.
Ao explanar as ações e medidas que estão sendo tomadas pelo Judiciário Estadual, a desembargadora Zeneide Bezerra informou como primeira grande dificuldade a logística para intimação dessas mães.
O custo para envio de cada AR fica em torno de 9 reias, o que resultaria em um gasto aproximado de 180 mil reais destinados apenas na primeira fase do processo, o de intimação. Nesse sentido, projetos como Justiça e Escola do Judiciário Potiguar e Câmara nos Bairros da Câmara Municipal, são de grande importância para informar, sensibilizar e despertar o interesse de grande parte dessas mães, garantindo uma maior adesão e a consequente diminuição de envio de cartas. A parceria deverá ser estendida aos Correios.
Como coordenadora dos diversos projetos sociais do Tribunal de Justiça, a desembargadora Zeneide convida ainda o presidente da Câmara participar mais ativamente de projetos como Justiça na Praça, Justiça Escola, Pró-vida e Semana da Conciliação. A iniciativa do judiciário estadual é muito bem vista pelo presidente da Câmara, Edivan Martins e pelos vereadores Julio Protásio e Enildo Alves, entre outros presentes na reunião, os quais se comprometeram em aderir e contribuir para solucionar questões sociais, como as que foram apresentadas.
O vereador Edivan fala ainda do engajamento da casa parlamentar e do Judiciário na área de informação à população pela TV Câmara, que disponibilizará nova grade de programação aos telespectadores. “A contribuição do poder judiciário será na produção de matérias, boletins e programas voltados para cidadania, com notícias de decisões e serviços voltados a campanhas educativas em que pesem temas de interesse comum as duas casas, como os de reconhecimento de paternidade, regularização fundiária, combate às drogas, afirma a secretária de Comuniação Social do TJRN, Patricia Ferreira.

Ao final o presidente da casa se compromete em formar uma comissão para estudar as diversas possibilidades de contribuir efetivamente com o projeto e afirma que tal parceria entre as instituições terá como maior beneficiário a populaçã

Materia do Jornal o Mossoroense – RN

Promotora denuncia falta de policiamento na região de Pau dos Ferros
“É fato público e notório a deficiência da quantidade de policiais militares nas unidades militares do municípios que integram a Comarca de Pau dos Ferros, o que vem a ser corroborado pelos altos índices de criminalidade, principalmente em determinados bairros, comprovados pelo inúmeros inquéritos policiais e ações penais, notadamente por crimes contra o patrimônio e de tráfico de drogas, que ocorrem diariamente nesta cidade, os quais poderiam ser reduzidos com um trabalho ostensivo, eficiente e preventivo da Polícia Militar”.
Com essa afirmação, a promotora de Justiça Patrícia Antunes Martins alerta para o grave problema de segurança pública na região.
Para tentar identificar as causas e apontar soluções ela instaurou um inquérito civil que pretende colher informações sobre o reduzido número de policiais militares lotados no 7º Batalhão de Polícia Militar. 
O pouco efetivo tem impossibilitado o funcionamento das quatro guaritas do Complexo Penal de Pau dos Ferros, situação esta que tem prejudicado a segurança dos apenados, dos profissionais que trabalham no estabelecimento penal e dos moradores das proximidades.
“Em alguns destacamentos policiais da comarca, quando se faz necessária rondas e diligências por parte dos policiais militares, o destacamento policial fica fechado, mesmo com a existência de presos em seu interior”, lembra Patrícia Antunes.
Comando terá dez dias para apresentar esclarecimentos
Ela fixou o prazo de dez dias para que o Comando-Geral da Polícia Militar prestes alguns  esclarecimentos.
Em meio a lista encontra-se o número de efetivo da Polícia Militar vinculado ao 7º BPM de Pau dos Ferros com atuação nos municípios da Comarca de Pau dos Ferros com os respectivos nomes e patentes, relacionados por unidade de lotação (destacamento, pelotão).
A relação dos policiais militares lotados no 7º BPM cedidos a outros órgãos, indicando quais são esse órgãos; cópia de norma estadual ou diretriz, por ventura existente, a respeito do número mínimo de policiais militares de acordo com o tipo de unidade militar (Destacamento, Pelotão, etc…) ou quantidade populacional; o número total do atual efetivo da Polícia Militar do RN e sua distribuição, em números, nos municípios; e relação dos policiais militares lotados no 7º Batalhão de Polícia Militar afastados por licença médica.
Entre outras diligências iniciais, a promotora de Justiça solicitou aos responsáveis pelas unidades militares das cidades de  Pau dos Ferros, Riacho de Santana, Francisco Dantas, São Francisco do Oeste, Rafael Fernandes, Água Nova e Encanto, no prazo de dez dias, informações sobre o número total de ocorrências encaminhadas pela Polícia Militar e à Polícia Civil, nos últimos doze meses (mês a mês), bem como o número de policiais militares lotados nos respectivos destacamentos.

Charge de Sinfrõnio no Diario do Nordeste Ceara


Mandaram buscar seu Moco, Você é teimoso não sai ?  

A Segurança vai bem aqui na quebrada

INFORMATIVO O COBRA -2011

02/03/2011: Segurança:. Na área da Segurança Pública o Plantão Policial esta Normal, não recebi informação de alterações ou Ocorrências Policial é um Silencio total nas ultimas 48 horas, isto é bom. Mas, eu fico sempre com a orelha em PE porque nossa Cidade é cortada pela BR 405 onde passa tudo e todos que trafegam de Norte ao Sul e as Estradas Vicinais que dão acesso ao Ceara é onde mora o perigo. O Nosso Comandante do Destacamento junto com os Policiais tem combatido os baderneiros de Platão, mais sempre aparece intrusos de outras Quebradas. Ficaremos de olho e vamos colaborar com a Segurança OK

Parcerias que dão certo

INFORMATIVO O COBRA -2011
02/03/2011: O Banco do Nordeste agencia de Pau dos Ferros quer investir na Quebrada Velha de Guerra. Nesta segunda-feira estive na Agencia conversando com José Augusto e Antonio Aparecido, onde falamos de vários Programas do Governo Federal que são repassados pelo BNB e o Jose Augusto ficou de nos repassar uma pauta para ser discutida em São Francisco do Oeste com Entidades da Categoria, Órgão parceiros, Secretarias do Município e os Agricultores (as) Familiares. É muito interessante a vontade política do Banco do Nordeste para São Francisco do Oeste e em pensar que este município já esteve alijado dos Programas do MDA e do BNB não faz muito tempo e diga-se 2009, por conta da Inadimplência no PRONAF – C e B. o município hoje esta razoavelmente saudável graças ao Esforço de uma Equipe formada pelo BNB, Agencia Pau dos Ferros, AMATER-RN – Escritório Local, STTR do Município, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Municipal de Ação Social, Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Agricultura, Associações Rurais e o Próprio MDA/Delegacia Estadual do Rio Grande do Norte. Sem este trabalho feito por estas Instituições e Órgãos, o município não podia receber investimentos algum do MDA – Ministério do Desenvolvimento Agrário. Fica o registro                                        

Falta Medico no Posto de Saúde

INFORMATIVO O COBRA -2011

02/03/2011: No Município continua sem Medico no Posto de Saúde e haja corrida para Pau dos Ferros. Quando será que vai normalizar. Fica a nossa pergunta

Falta Professor nos Colegios Estadual

INFORMATIVO O COBRA -2011
02/03/2011: Governos dos Estados não tem Compromisso com a Educação. Os Governos dos Estados não tem sensibilidade alguma para o tema Educação e ficam cobrado do Governo da União repasses de verbas extraordinárias em nome da Educação. Ora, um dos pontos mais polêmicos do setor diz respeito a capacitação dos Professores e Salários que paguem a trabalheira que eles tem com uma Sala de Aula. No Rio Grande do Norte já é de praxe faltar Professor nas salas de aula e no Oeste parece não ter remédio para falta de Professor no Colégio Estadual Professor Manuel Herculano. Sabemos do sacrifício que a diretora tem feito pelos alunos, mais parece que a nível de Secretaria Estadual de Educação não interessa muito esta defasagem e o invés de investir na Contratação ou Concurso Público para Professores, ficam construindo monstrengo de concreto ou sala de aula sem ter professor a uma contradição extraordinária e parece que a Oposição no Estado morrei, parece que o famoso Sindicato dos Professores do Estado se extingui porque não se ver uma matéria de Jornal que eles tenham se manifestado e haja falta de professor nos Colégios Estaduais. É lamentável mesmo. Fica nosso registro                            

Materia da pagina da CONTAG

SECRETÁRIA DE MULHERES DA CONTAG DEFENDE PRODUÇÃO SUSTENTÁVEL E ENFRENTAMENTO A VIOLÊNCIA PARA ACABAR COM A MISÉRIA

02/03/2011
Em sua fala na solenidade de início das comemorações do Mês da Mulher, Carmen Foro reiterou reivindicações das trabalhadoras rurais para erradicação da pobreza no Brasil
“Temos questões que não abrimos mão para erradicar a pobreza, como a discussão sobre segurança alimentar, enfrentamento a violência e produção sustentável e saudável de alimentos”, disse Carmen Foro à presidenta da república, Dilma Rousseff, durante  a solenidade que marcou o início da programação do Governo Federal para comemorar o Mês da Mulher, ontem (01), em Irecê, Bahia.
O primeiro encontro da presidenta do Brasil com as trabalhadoras rurais contou com a dinâmica do movimento sindical em seu permanente estado de cobrança. Todos os pontos levantados pela secretária de Mulheres da Contag, Carmen Foro, ontem, durante seu discurso, dialoga com os eixos de reivindicações da Marcha das Margaridas de 2011.
Para a secretária, erradicar a pobreza não é só pensar em distribuição de renda e de alimentos, todas as questões básicas de saúde e segurança precisam estar interligados. A sindicalista também lembrou da maior mobilização de mulheres de 2011, que acontece em agosto – a Marcha das Margaridas, que será um momento de diálogo e articulação com todas as instâncias de poder em favor dos direitos das mulheres.
Após a primeira emissão do Bloco da Produtora pelo Expresso Cidadã, unidade móvel do Programa de Documentação da Trabalhadora Rural (PNDTR) e visitar a Mostra de Grupos Produtivos de Mulheres Rurais, que tem apoio do Programa de Organização Produtiva das Mulheres Rurais (POPMR), a presidenta Dilma Rousseff afirmou que a agricultura familiar e o bolsa família são pilares para o programa de erradicação da pobreza.
Dilma também anunciou o reajuste dos benefícios do Bolsa Família, que alcançarão 45% para famílias com maior número de filhos. Também disse que é preciso garantir o acesso de dois milhões de agricultores familiares ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), desenvolvido pelo MDA.
Fonte: Agência Contag de Notícias – Suzana Campos

Materia da pagina da CONTAG




CONTAG DISCUTE DESAFIOS DO CAMPO COM PRESIDENTES DAS FETAGS
01/03/2011

Em uma reunião estratégica, em Brasília (DF), a diretoria da Contag debate com os presidentes das 27 federações desafios a serem enfrentados pelo MSTTR. O encontro que começou hoje vai até amanhã (02), quando o conjunto do movimento sindical se encontra com deputados e senadores na Câmara Federal.

Os debates iniciaram com a fala do presidente da casa, Alberto Broch, que fez uma análise de conjuntura com incidência na formação das forças políticas do Congresso Nacional e do governo Dilma Rousseff. Segundo Broch, 2011 é um ano desafiador, de grandes ações sindicais e que demanda do MSTTR uma forte articulação e mobilização.

Como faz parte da sistemática tradicional da Contag, o debate democrático foi respeitado. Todos os presidentes das Fetags fizeram exposições e apresentaram suas contribuições.

Na opinião do presidente da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Goiás (Fetaeg), Elias D’Angelo Borges, essa reunião possibilitou a discussão de temas mais gerais e da política do movimento sindical. Já a presidente da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais da Amazônia (Fetagri-AM), Izete Rodrigues Rabelo, considera a iniciativa uma forma de informações mais precisas para repassar para os estados.

“Os presidentes são os coordenadores de todas as políticas no estado e é importante ter um momento de discutir as ações com foco na articulação política”, afirmou Chico Sales, presidente da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais do Maranhão (Fetaema). Para o dirigente maranhense, outras reuniões com esse propósito precisam ser marcadas.

Na análise de Vilson Luiz da Silva, presidente da presidente da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Minas Gerais (Fetaemg), as discussões são importantes, pois o movimento sindical carece de informações. “É preciso que os dirigentes tenham a exata noção da implicação que fatos nacionais e internacionais têm na vida de cada trabalhador rural”, afirma.

Por fim, o presidente da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais do Rio Grande do Sul (Fetag-RS), Elton Weber, sinalizou a expectativa que essa iniciativa seja incorporada ao calendário sindical e que os presidentes das Fetags possam se encontrar outras vezes durante o ano. “Até então nós não tínhamos esse espaço de discussão de política para tratar de todos os temas do movimento sindical sob a ótica da presidência das federações”, considerou.
Outras questões também foram tratadas, como a apresentação e aprovação da proposta da Contag de alteração do Código Florestal. O encontro continua amanhã (02), com uma reunião com parlamentares na Câmara Federal.

Fonte: Agência Contag de Notícias – Suzana Campos

Coisas mau feita

INFORMATIVO O COBRA -2011

02/03/2011: Agora pouco passou por aqui uma Equipe de Consultores de venda da TIM, um pessoal muito educado mais estão querendo vender Gato Por Lebre porque a famosa TIM não opera nada que preste na Região e isto já foi Objeto de Ação Civil na Justiça Federal que proibiu a venda de aparelhos da referida Empresa prestadora de serviços Telefônicos no Rio Grande do Norte. Não é só a TIM que esta sendo acionada na Justiça Federal, a Oi também esta sendo denunciada pelos Procuradores da Republica e o motivo é porque estão lesando os clientes com péssimo serviço assim como a TIM que vende aparelho sem ter equipamentos de Comunicação adequados nas famosas Torres. Disse isto a eles vendedores que são simplesmente mandados dos Empresários das famosas Telefonias vendidas por FHC. Tenham cuidado na hora de compra um aparelho e o famoso plano que eles oferecem. É melhor não compra agora, deixa ver se a TIM vai Cumprir o que determinou a Justiça Federal. OK                  

Nota da Pagina do Governo Federal

Bolsa Família terá reajuste de 19,4%

por Secom em 01/03/2011 19:48hs

Benefício com o novo valor será pago a partir de abril. Valor médio sobe de R$ 96 para R$ 115
O Programa Bolsa Família terá reajuste médio dos benefícios de 19,4%, com elevação real de 8,7% sobre a inflação do período de setembro de 2009 – época da última recomposição – a março de 2011. O anúncio foi feito pelo governo federal na terça-feira (1º). O objetivo é fortalecer o combate à pobreza extrema no Brasil. O governo concentrou o reajuste para os valores pagos na faixa etária de zero a 15 anos, que tiveram aumento de 45,5%. O valor concedido aos jovens entre 16 e 17 anos teve reajuste de 15,2%. Benefício com o novo valor será pago a partir de abril.
Com o reajuste, o benefício médio atual, de R$ 96, subirá para R$ 115. Os novos valores do Bolsa Família vão variar de R$ 32 a R$ 242. Atualmente, são de R$ 22 a R$ 200. O valor total do reajuste é de R$ 2,1 bilhões e atenderá 12,9 milhões de famílias, cerca de 50 milhões de pessoas com renda mensal per capita de até R$ 140.
O investimento no Programa Bolsa Família representa cerca de 0,4% do Produto Interno Bruto (PIB). De acordo com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), cada R$ 1,00 investido no Bolsa Família aumenta em R$ 1,44 o PIB brasileiro.
Esta é a quarta recomposição dos valores em sete anos do programa. A primeira, de 18,25%, ocorreu em agosto de 2007. Em julho de 2008 o reajuste foi de 8%. E em 2009 chegou a 10%. O reajuste atual varia entre 2,9% sobre o benefício básico e 45,5% sobre os valores destinados a crianças de até 15 anos.
Queda na desnutrição – A desnutrição infantil caiu de 12,5% para 4,8% de 2003 a 2008, entre crianças menores de cinco anos atendidas pelo Bolsa Família. Estudos do Ipea com base nos dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) também apontam que o Bolsa Família reduziu em três milhões o número de pessoas extremamente pobres em 2009 e foi um dos fatores determinantes para a queda da desigualdade de rendimentos nos últimos anos no País.
Bolsa Família reduz evasão escolar em 36%
O Bolsa Família reduz a evasão escolar em 36%, entre crianças de 6 a 16 anos, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A proporção dos que não frequentam escola cai de 8,4% para 5,4% com o benefício. Os pesquisadores compararam populações semelhantes que recebem ou não o Bolsa Família, a partir de dados de 1999 e 2007, da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) do IBGE.
As 12 milhões de famílias que recebem a bolsa têm de garantir que seus filhos menores de 15 anos compareçam a 85% das aulas a cada mês e, os de 16 e 17 anos, devem ir a 75%. Elas também têm de garantir a vacinação das crianças de até seis anos e consultas médicas regulares para mulheres grávidas ou que estejam amamentando.
Faixa etária – O impacto é maior no caso das crianças mais novas: de 6 a 10 anos de idade a variação positiva foi de 40% (a proporção de crianças dessa faixa etária que frequenta escola passou de 93,3% para 96,3%, com o programa); já para as faixas etárias de 11 a 14 anos e de 15 a 16 anos, a redução estimada na proporção de crianças fora da escola foi menor, atingindo quase 30%.
O Inep estima ainda que o recebimento do Bolsa Família elevou a frequência escolar do público com oito anos ou mais de estudo de 81,7% para 91,9%.
Gênero – Nos resultados por gênero e área de residência, outro impacto verificado foi quanto ao aumento da presença na escola das meninas de 15 e 16 anos que vivem na zona rural. Segundo o estudo, o Bolsa Família teria sido responsável pela redução de 50% no índice de não frequência escolar, que é de 15,7% e 33,7%, respectivamente, entre os beneficiários e não beneficiários.
O estudo foi publicado na revista Na Medida, do Inep, número 6:

Materia do Jornal Mossoroense RN

Presidenta Dilma Rousseff anuncia reajuste nos valores pagos pelo programa Bolsa Família
Luciana Lima
Enviada Especial da Agência Brasil
Irecê (BA) – O benefício a ser pago pelo programa Bolsa Família a partir deste mês terá reajuste médio de 19,4%, podendo chegar a até 45,5% para os valores pagos na faixa etária até 15 anos de idade. O reajuste foi anunciado ontem, durante a visita da presidenta Dilma Rousseff ao município de Irecê, em pleno sertão baiano. A presidenta participou da abertura de uma feira da economia organizada por produtoras rurais da região.
“Vamos beneficiar quem tem mais filhos e maior dificuldade de enfrentar a vida e um nível de pobreza maior”, disse a presidenta.
De acordo com dados do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, 93% dos usuários do cartão são mulheres. O Bolsa Família foi reajustado pela última vez em setembro de 2009.
A Bahia é o estado com maior número de famílias beneficiadas pelo programa de distribuição de renda lançado no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Mais de 1,7 milhão de famílias baianas recebem o Bolsa Família. Em Irecê, mais de sete mil famílias são atendidas pelo programa.
O segundo estado em número de beneficiados pelo programa é São Paulo, com 1,2 milhão de famílias. Minas Gerais vem em terceiro lugar, com 1,1 milhão de famílias.
O valor ajustado representa, em média, um aumento real de 8,7% acima da inflação do período de setembro de 2009 a março de 2011. Com isso, o benefício médio atual de R$ 96 subirá para R$ 115. Os valores a serem pagos vão variar de R$ 32 a R$ 242. Atualmente vão de R$ 22 a R$ 200.