Operação da PF combate fraudes em financiamentos de veículos no RN

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira 29 a Operação Godela II destinada a apurar fraudes em financiamentos de veículos praticadas entre os anos de 2018 e 2020 no Rio Grande do Norte.

Cerca de 20 policiais federais estão cumprindo 5 mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª. Vara Federal, nos municípios de Parnamirim, Espírito Santo e Santo Antônio.

A operação decorre de investigações realizadas por meio de sete inquéritos policiais instaurados nos anos de 2019 e 2020, com base em notícias de crime apresentadas por instituições financeiras e, também, por lojistas lesados.

Os elementos de prova já colhidos indicam que os investigados arregimentam pessoas para se passarem por terceiros, as quais adquirem veículos por meio de financiamentos, cujas parcelas não são quitadas. Até esta data foram identificadas dez aquisições fraudulentas de veículos.

Os suspeitos poderão responder pelo crime de fraude para obtenção de financiamento em instituição financeira, além de associação criminosa e, se condenados, podem cumprir pena de 2 a 4 anos de prisão por cada delito cometido.

A 2ª fase da operação Godela hoje deflagrada dá continuidade aos esforços da Polícia Federal no Rio Grande do Norte, iniciados no ano de 2019, para coibir a prática desse tipo de crime.

Sobre o nome da operação, trata-se de um termo regional que significa “se aproveitar de situação para tirar vantagem à custa dos outros”.

Chefe de quadrilha que seduzia homens para extorsão em Natal é preso em Fortaleza

Após investigações da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos de Natal (DEFUR), a Polícia Federal, em atuação conjunta com as Polícias Militar e Civil do Ceará, prenderam, nesta quarta-feira 28, Gerson Alves Vieira, 41 anos. Ele foi detido na cidade de Fortaleza, no Ceará. A ação é um desdobramento da Operação “Eros”, ocorrida no mês de abril, em Natal, com objetivo de prender suspeitos pela prática de extorsão qualificada a clientes, em supermercados.

Gerson Alves é apontado como chefe da associação criminosa e havia empreendido fuga durante a abordagem policial realizada na primeira etapa da operação, quando foram presas duas pessoas, no bairro Capim Macio, em Natal. Nesta segunda fase, Gerson Alves foi preso no momento em que o suspeito se preparava para atuar contra mais uma vítima. Em seu desfavor, existiam dois mandados de prisão em aberto, além de seis inquéritos policiais instaurados somente pela DEFUR.

O grupo criminoso atuava procurando uma pessoa do sexo masculino, geralmente casada, com quem flertava e levava para hotel na Zona Sul de Natal, onde a vítima era ameaçada, coagida, fotografada e mantida sob violência física e psicológica, na intenção de obter vantagens financeiras. Enquanto isso, outros membros do grupo utilizavam de todos os possíveis dados bancários e de cartões de crédito para efetuar diversos tipos de transações financeiras em nome da vítima, tais como empréstimos, compras, transferências e saques.

O suspeito foi conduzido a delegacia e, em seguida, foi encaminhado ao sistema prisional onde ficará à disposição da Justiça. A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

CGU descarta sobrepreço na compra da Covaxin, mas vai investigar Precisa

A Controladoria-geral da União (CGU) não encontrou evidências de sobrepreço na compra da Covaxin, vacina indiana encomendada pelo Ministério da Saúde em fevereiro deste ano.

Mas a pasta suspeita da postura da Precisa, representante brasileira do negócio, e irá investigá-la, segundo relato de fontes com conhecimento direto do caso.

O relatório sobre o caso que está sendo finalizado indicará que a Precisa não ofereceu oficialmente ao governo as doses por US$ 10 para depois fechar contrato por US$ 15.

A CGU reuniu provas que corroboram a versão apresentada por Emanuela Medrades, da Precisa, em depoimento à CPI da Pandemia. Ela disse na ocasião que se tratava apenas de uma expectativa e não uma oferta de fato.

Maleia a notícia completa em: CGU descarta sobrepreço na compra da Covaxin, mas vai investigar Precisa

CPI DA COVID NO RN: Kelps Lima quer convocar governador da Bahia e outros seis pra explicar compra de respiradores

O deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade), provável presidente da CPI da Covid que será instalada na próxima semana na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, anunciou nesta quarta-feira (28) que, assim que os trabalhos da comissão forem iniciados, vai pedir a convocação do governador da Bahia, Rui Costa (PT).

Para isso acontecer, será preciso que a maioria da comissão (que tem cinco membros) aprove o requerimento. A primeira reunião da CPI está marcada para o dia 4 de agosto. Nesta data, serão escolhidos o presidente e o relator. Já há um acordo para que Kelps Lima seja o presidente e para que o deputado Francisco do PT seja designado o relator.

Segundo Kelps, Rui Costa será chamado para depor na condição de presidente do Consórcio Nordeste, do qual o Governo do RN faz parte. Se for oficialmente convocado, o governador baiano terá de dar explicações à CPI sobre a compra frustrada de 300 respiradores pulmonares no auge da pandemia de Covid-19.

Grande Ponto

STF rebate Bolsonaro sobre combate da pandemia e diz que ‘uma mentira contada mil vezes não vira verdade’

Fachada do Supremo Tribunal Federal. Brasilia, 26-10-2018. Foto: Sérgio Lima/Poder 360

Em mensagem postada em uma rede social nesta quarta-feira (28), o STF (Supremo Tribunal Federal) reafirmou que a corte não impediu o governo federal de agir no enfrentamento da Covid-19.

“O STF não proibiu o governo federal de agir na pandemia! Uma mentira contada mil vezes não vira verdade!”, afirmou no Twitter.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse reiteradas vezes que foi impedido de agir contra a Covid-19 em razão de uma decisão do Supremo.

Folhapress

Bolsonaro sanciona programa de combate à violência contra a mulher

O presidente Jair Bolsonaro sancionou hoje (28) o projeto de lei que cria o programa de cooperação Sinal Vermelho para combater a violência doméstica contra as mulheres. Com a medida, o governo, o Ministério Púbico e a Defensoria Pública poderão firmar parcerias com estabelecimentos privados para ajudar a encaminhar denúncias contra os agressores. As informações são do Diário do Poder.

A sanção, realizada durante cerimônia no Palácio do Planalto, oficializa para todo o país a medida, que foi implantada inicialmente pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) para incentivar as vítimas de violência doméstica a denunciarem agressões nas farmácias.

Nesses casos, os estabelecimentos são treinados para ajudar vítimas de violência. Basta mostrar um X vermelho na palma da mão, pintado com batom ou tinta de caneta, para que o atendente, ou o farmacêutico, entenda tratar-se de uma denúncia e em seguida acionar a polícia.
Durante o evento, a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou que o presidente Bolsonaro tem compromisso com o combate à violência contra a mulher.

Para melhorar popularidade, governo deve criar auxílio para compra de gás

Gás de cozinha puxa a inflação de setembro em Brasília Cruzeiro, Brasília, DF, Brasil 13/10/2015 Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília Com variação de 19,23% no valor do botijão, o gás de cozinha contribuiu diretamente para o aumento da inflação no Distrito Federal em setembro.

Na tentativa de melhorar a sua popularidade, o governo do presidente Jair Bolsonaro pretende lançar um auxílio para a compra de gás de cozinha. A informação foi publicada nesta 5ª feira (29) pela Folha de S. Paulo.

Com os reajustes recentes promovidos pela Petrobras em suas refinarias, o preço do gás está pesando no bolso do brasileiro. Na região Norte do país, que opera com alíquotas de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) mais elevadas e tem maior custo com o transporte, o botijão de 13 kg está na faixa de R$ 100. Porém, o valor extra não é exclusividade dos nortistas. Os preços aumentaram em todo o país.

O “vale-gás” é uma alternativa encontrada pelo governo diante da resistência da equipe econômica de intervir no preço do item. De acordo com o jornal, a medida tem ganhado força entre os aliados do presidente, incluindo o ministro da Economia, Paulo Guedes.

Nova York dará 100 dólares para pessoas que se vacinarem contra a covid-19

A partir desta sexta-feira, a cidade de Nova York, nos Estados Unidos, oferecerá US$ 100 (R$ 515,21) para quem se vacinar contra a covid-19, segundo afirmou hoje o prefeito, Bill de Blasio.

A medida busca dar um novo impulso à campanha de imunização na Big Apple, que já conta com 10 milhões de doses aplicadas, apesar de, nas últimas semanas, ter sido registrada uma queda no ritmo do processo.

De acordo com os dados mais recentes divulgados pelas autoridades, 54,4% da população (8,3 milhões de pessoas), estão totalmente imunizadas contra a covid-19 a partir da vacinação, índice que sobe para 65,5% quando só adultos são levados em conta.

Em entrevista coletiva, De Blasio destacou que o uso de agentes imunizantes é o único meio de garantir a recuperação da cidade e defendeu a importância dos incentivos financeiros para a população de Nova York.

“Nos centros de vacinação administrados pela cidade, quando você toma a primeira dose, receberá US$ 100”, garantiu o prefeito.

Anteriormente, a prefeitura de Nova York já havia dado diversos estímulos à população, incluindo lanches grátis e até sorteio de prêmios que poderiam chegar a US$ 5 milhões (R$ 25,7 milhões).

UOL

Dona da empresa que vendeu e não entregou respiradores e Carlos Garbas serão os primeiros convocados da CPI da Covid no RN

A CPI da Covid no Rio Grande do Norte vai convocar a dona da empresa Hempcare, a empresária paulista Cristiana Prestes Taddeo, e o secretário executivo do Consórcio Nordeste, Carlos Gabas. Eles estarão entre os primeiros convocados pela Comissão Parlamentar de Inquérito. Convites que serão oficializadas na semana que vem, na abertura dos trabalhos na Assembleia Legislativa, que irá apurar a aquisição dos respiradores pelo Consórcio Nordeste e a edição dos decretos publicados pelo estado com as medidas sanitárias de combate à pandemia.

Reportagem publicada pela revista Veja publicada na sexta-feira (23) revelou detalhes das investigações sigilosas sobre a compra de 300 respiradores feita pelo Consórcio Nordeste que jamais foram entregues, causando prejuízo de R$ 48 milhões.

O inquérito, inicialmente conduzido pela polícia baiana, apresentou a Hempcare como ponta de uma rede criminosa. O negócio, desde o início, foi planejado para dar errado. Vasculhando o contrato, os investigadores detectaram uma série de ilegalidades para facilitar e agilizar ao máximo a negociação. (Veja mais detalhes em reportagem que foi repercutida neste blog AQUI).

Mesmo após um ano fechadas, escolas estaduais não têm laudo dos bombeiros para retomar aulas

Na volta às aulas presenciais, depois de quase 14 meses, apenas 20 das 615 escolas de toda a rede estadual de ensino do Rio Grande do Norte possuem o Atestado de Vistoria do Corpo de Bombeiros, documento que comprova a regularidade de um determinado empreendimento em relação ao combate e prevenção de incêndios. O número corresponde a 3% de toda a rede estadual. A ausência desse documento não impede a escola de funcionar. A volta dos alunos para as salas de aula alcança 595 das 615 escolas, que funcionarão com 30% das turmas.

O Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (ACVB) é um documento emitido pelo órgão certificando que, durante a vistoria, a edificação possui as condições de segurança contra incêndio previstas pela legislação. Toda empresa, estabelecimento, indústria e prédios residenciais são obrigados a ter o documento. Caso não possuam o AVCB, os espaços ficam sujeitos a interdições por parte do CBM em eventuais vistorias.

Tribuna do Norte

Influenciador é preso por suspeita de estupro de vulnerável

Agentes da DCAV (Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima), do Rio de Janeiro, cumpriram um mandado de prisão temporária, nesta terça-feira (27), em Florianópolis, no Estado de Santa Catarina, do youtuber Raulino de Oliveira Maciel, conhecido como Raulzito, por estupro de vulnerável. Responsáveis de duas crianças fizeram registros de ocorrência na delegacia, mas há suspeitas de outros casos.

Raulzito é especializado em jogos eletrônicos e tem mais de 200 mil seguidores em uma rede social. Ele se autointitula como coach de games e oferece orientação para menores que têm interesse em seguir carreira no ramo. Segundo as investigações, o influenciador forçava contato com as crianças pelas redes sociais e prometia acesso a trabalhos, alegando inclusive ser contratado de uma grande emissora de televisão.

Leia a notícia completa AQUI no Blog do BG PB.

5G terá impacto de US$ 1,2 trilhão no PIB brasileiro, diz CEO da Nokia

O CEO da Nokia no Brasil, Ailton Santos, afirmou que o Brasil precisa instalar logo a nova tecnologia 5G para colher as vantagens do processo. A declaração foi dada em entrevista à Veja.

“A Nokia encomendou um estudo por meio da Omdia onde foi apontado que, com a implementação do 5G no Brasil, a gente deve ter um impacto de US$ 1,2 trilhão no PIB até 2035”, disse o executivo.

Segundo a reportagem, a Nokia deve ser uma das principais beneficiadas da adoção da tecnologia no país e está à frente no mercado de infraestrutura para a nova conexão ao lado das empresas Huawei e Ericsson.

Ciro Nogueira confirma que aceitou convite para assumir cargo de Ministro da Casa Civil

Foto: Reprodução/Twitter

O senador Ciro Nogueira (PP-PI) chegou ao palácio do Planalto na manhã desta terça-feira (27) para discutir com o presidente Jair Bolsonaro e acertar detalhes sobre a possibilidade do senador assumir o cargo de ministro da Casa Civil. Logo após, através das redes sociais, confirmou que aceito o convite para assumir a pasta:  “Acabo de aceitar o honroso convite para assumir a chefia da Casa Civil, feito pelo presidente. Peço a proteção de Deus para cumprir esse desafio da melhor forma que eu puder”.

Nogueira estava de férias no México e chegaria ao Brasil nesta segunda-feira (26), no entanto, houve um problema em um voo internacional e Nogueira desembarcou em Brasília nesta terça-feira (27). De acordo com o presidente Jair Bolsonaro, o senador deve assumir o cargo de ministro da Casa Civil, mas ainda não houve confirmação oficial.

Estratégia política

Nogueira é presidente do PP e membro do grupo conhecido no Congresso como Centrão.

A ida de Ciro para Casa Civil resultará em uma minirreforma ministerial. Atual chefe da pasta, o general Luiz Eduardo Ramos deve ser deslocado para a Secretaria-Geral da Presidência.

Já o ministro Onyx Lorenzoni, que está na Secretaria-Geral, deve assumir o Ministério do Emprego, que será recriado por Bolsonaro nos moldes do antigo Ministério do Trabalho.

A Casa Civil é um dos mais importantes da Esplanada e, além de auxiliar na articulação política junto ao Congresso, atua na coordenação de ações do governo com outras pastas.

Com acréscimo de G1

Cúpula da CPI da Covid enfrenta atritos e busca articulação para não perder comando

Inicialmente apelidado de G7, o grupo que comanda a CPI da Covid ganhou visibilidade nos primeiros 90 dias de atuação da comissão, quase teve defecções e precisou manobrar para superar adversidades.

Após alguns atritos na primeira etapa da CPI, essa ala tem entre seus desafios a busca de articulação para evitar uma perda de comando com a retomada dos depoimentos na comissão a partir da semana que vem.

Majoritário no colegiado, o conjunto de seis a sete senadores, já que um deles é considerado volátil, ditou o ritmo dos trabalhos de investigação. São eles que definem quem serão os convocados, aprovam os requerimentos de quebras de sigilos e impedem que governistas mudem o foco das apurações, tirando-o da gestão do presidente Jair Bolsonaro para os governadores estaduais.

Foi em um momento de cochilo dos governistas que se formou essa coalizão majoritária e, sob certo aspecto, improvável. Estão no mesmo lado petista e tucano, lava-jatistas e críticos da operação. Essas diferenças parecem ter ficado para trás, analisando especificamente a unidade e desempenho do bloco.

Mas a maioria tênue, de um total de 11 titulares da CPI, tem exigido uma ginástica para que desentendimentos e adversidades não provoquem fissuras.

A primeira delas foi com o pedido de prisão de Fabio Wajngarten, que colocou o presidente Omar Aziz (PSD-AM) em atrito com os demais.

Naquela ocasião, o relator da CPI, Renan Calheiros (MDB-AL), pediu a detenção do ex-auxiliar de Bolsonaro, o que acabou negado por Aziz.

Novo racha veio após a prisão determinada por Aziz do ex-diretor do Ministério da Saúde Roberto Ferreira Dias. Apesar de todos manifestarem publicamente apoio ao presidente do colegiado, houve questionamentos internos da decisão.

No caso específico do pedido de prisão de Wajngarten, Aziz reclamou internamente que seus parceiros levaram a público o pedido, apesar de estar acertado nos bastidores o contrário. A situação foi contornada.

Em outro momento, Aziz chateou-se com colegas que votaram contra o requerimento para convocar certos governadores quebrando um acordo de que os pedidos seriam aprovados. Com a rusga, Aziz chegou a falar que não ofereceria mais o jantar com bacalhau em sua casa, nas reuniões das segundas-feiras.

Por outro lado, a ameaça mais séria e persistente está ligada ao Amazonas, estado de dois membros da comissão. Problemas regionais quase levaram à saída definitiva do senador Eduardo Braga (MDB-AM) do G7.

O primeiro embate entre Aziz e Braga ocorreu na época da análise de requerimentos para convocar o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC).

O senador emedebista pressionou para que Lima fosse convocado, apesar da leitura da cúpula da CPI de que a comissão não tinha tal poder.

Somou-se à demanda de Braga as solicitações dos senadores governistas para que outros chefes de Executivos estaduais fossem chamados a falar no colegiado.

Diante da pressão, para não ter de convocar apenas o governador amazonense, Aziz decidiu colocar em votação os requerimentos para chamar todos os gestores que fossem investigados, o que foi aprovado na CPI, mas acabou barrado pelo STF (Supremo Tribunal Federal).

Braga é considerado adversário de Lima, enquanto Aziz é tido como uma pessoa mais próxima do governador.

Em outra ocasião, houve nova desavença entre ambos quando o presidente da CPI tentou colocar em votações pedidos que poderiam prejudicar aliados de Braga no Amazonas, como quebras de sigilo e convocações. Em um dos jantares de segunda-feira em sua residência, Aziz exigiu “lealdade” aos colegas para a aprovação dos seus requerimentos.

A possível saída do senador da ala majoritária provocou preocupação em parlamentares, principalmente no relator, Renan Calheiros (MDB-AL).

Naquele jantar, Renan disse que é próximo do correligionário e grato a ele pela indicação para que ele se tornasse relator. Por isso, disse que, se houvesse confronto entre os amazonenses, não poderia contrariar Braga.

Aquele jantar terminou com um clima ruim. Aziz disse que retiraria os requerimentos dele de pauta, mas também não votariam os de Renan. A decisão acabou atrasando, por exemplo, a designação de um policial federal para a equipe do relator.

Além disso, Braga passou a ser visto com desconfiança por colegas por nem sempre participar das reuniões semanais do G7 e se manifestar com menos frequência nas sessões da CPI.

A avaliação de parte do grupo é que Braga estaria se alinhando ao Planalto.

Diante da situação, senadores buscaram contornar as rusgas e colocar panos quentes no atrito entre o presidente da CPI e o senador emedebista para evitar perder a maioria.

Folhapress

Apoio ao voto com comprovante impresso sobe para 46%

A proposta de voto impresso nos moldes defendidos pelo presidente Jair Bolsonaro ganhou mais defensores nos últimos 2 meses, de acordo com pesquisa PoderData realizada em 19 a 21 de julho de 2021. De acordo com o levantamento, 46% são a favor e 40% são contra a emissão de um comprovante em papel depois da votação na urna eletrônica, enquanto 14% não sabem como responder.

Os números representam uma inversão em comparação ao final de maio, quando 46% se diziam contrários e 40% eram favoráveis à proposta. O número de indecisos se manteve.as informações são do Poder 360.

ÍTALO FERREIRA É OURO. O RN é OURO. O Surf Brasileiro é OURO

Na primeira Olimpíadas que o SURF faz parte, a primeira medalha de OURO é BRASILEIRA, e é de um POTIGUAR. E de ÍTALO FERREIRA, um monstro. Do Paraíso de Baía Formosa para a história do Esporte e do SURF MUNDIAL. Viva Ítalo FODASTICO. É OURO…..

Detran retoma prazos para regularização de CNH, veículos e recursos de autuações; veja como fica registro, licenciamento e transferência

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) retoma os prazos de processos e de procedimentos referentes a Habilitação de Condutores, Registro de Veículos e autuações de infrações de trânsito no âmbito do estado do Rio Grande do Norte. A Deliberação nº 233/2021 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) determina a retomada e apresenta os cronogramas com prazos de renovações.

No caso de registro e licenciamento de veículos novos adquirido no período de 12 de fevereiro a 1º de agosto deste ano, o emplacamento deve ser feito até o dia 31 de agosto próximo. Já em relação a transferência de propriedade de veículos adquiridos entre o dia 29 de janeiro de 2021 e 1º de agosto de 2021 deve ser efetuada até 30 de setembro deste ano.

Outro ponto destacado na Deliberação do Contran são os prazos para renovação das CNHs e ACCs vencidas nos anos de 2020 e 2021. Nas duas situações foram especificados prazos distintos compreendendo as vencidas em 2020: Meses de fevereiro, março e abril (renovação até 31 de agosto de 2021); maio, junho e julho (renovação até 30 de setembro de 2021); agosto, setembro e outubro (renovação até 31 de outubro de 2021); novembro (renovação até 30 de novembro de 2021); e dezembro (renovação até 31 de agosto de 2021).

Para as CNHs e ACCs vencidas durante este ano de 2021, os prazos estabelecidos para as renovações começam a valer a partir de janeiro de 2022, seguindo o seguinte cronograma: vencidas em janeiro (renovação até 31 de janeiro de 2022), vencidas em fevereiro (renovação até 28 de fevereiro de 2022); vencidas em março (renovação 31 de março 2022); vencidas em abril (renovação até 30 de abril 2022); vencidas em maio (até 31 de maio 2022); vencidas em junho (renovação até 30 de junho 2022); vencidas julho (renovação até 31 de julho 2022); vencidas em agosto (renovação até 31 de agosto 2022); vencidas em setembro (renovação até 30 de setembro 2022); vencidas em outubro (renovação até 31 de outubro 2022); vencidas em novembro (renovação até 30 de novembro 2022); vencidas em dezembro (até 31 de dezembro 2022).

A Deliberação contempla ainda a retomada dos prazos de defesas das notificações de autuação de trânsito. Nesse quesito, as notificações de autuações e de penalidades expedidas com datas finais de apresentação de defesa prévia, de indicação de condutor ou de recurso prevista para o período de 1º de março a 02 de agosto deste ano, ficam prorrogadas até o dia 31 de agosto próximo. O mesmo prazo é aplicado as notificações nos processos de suspensão do direito de dirigir e de cassação do documento de habilitação expedidas nesse período.

A Direção-Geral do Detran programou a retomada dos prazos levando em considerações critérios para não gerar aglomerações dentro das unidades e concedendo ao usuário o tempo para que a regularização seja realizada sem atropelo. Todos os serviços devem ser agendados pelo site do Detran (www.detran.rn.gov.br), pois todo e qualquer atendimento só ocorre mediante agendamento prévio.

RN registra 05 mortes por covid nas últimas 24 horas; novos casos são 18

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta segunda-feira (26). Foram 18 novos casos contabilizados, totalizando 357.822. No domingo (25) eram 357.804.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 7.057 no total, sendo 05 mortes registrada nas últimas 24h: Natal (01), Caicó(01), Antônio Martins(01), Pau dos Ferros(01) e Mossoró(01). No domingo (26), o número total de mortes era 7.052. Óbitos em investigação são 1.487.

Casos suspeitos somam 164.635 e descartados são 679.586.

COVID: RN possui 195 leitos críticos e 254 leitos clínicos disponíveis

Foto: (Reprodução/Regula/Sesap)

O RN permanece com fila zerada de pacientes para UTI Covid conforme levantamento próximo do fim da manhã desta segunda-feira (26).

Por volta das 11h, haviam 02 pacientes com perfil para leitos críticos na lista de regulação. Mais 01 aguardava avaliação. Foram registrados disponíveis 195 leitos críticos e outros 254, sendo clínicos.

FOTO: Em ação conjunta PRF e Deicor apreendem 106kg de maconha na cidade de Canguaretama/RN

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), em parceria com a Deicor, apreendeu, na tarde desse domingo (25), no km 164 da BR 101, em Canguaretama/RN, 106kg de maconha e prendeu um homem de 39 anos. Após um trabalho investigativo da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor), os policiais civis identificaram um traficante de 39 anos que costumava agir trazendo drogas de Pernambuco para o RN. A informação foi repassada para os agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que passaram a monitorar as rodovias.

Segundo a PRF, por volta das 15hs de domingo, os PRFs visualizaram o carro onde estaria o alvo e deram ordem de parada. Ao perceber a presença da PRF, o indivíduo empreendeu fuga em direção ao centro da cidade de Canguaretama/RN. Os Policiais Rodoviários Federais iniciaram acompanhamento tático e realizaram abordagem dentro da cidade de Canguaretama/RN. No porta-malas do veículo foram encontrados 106kg de maconha dentro de caixas de papelão.

Cada quilo de maconha custa em média R$ 1.000,00 (mil reais). A apreensão deste domingo (25) representou um prejuízo estimado em mais de cem mil reais ao crime organizado.

O condutor do veículo recebeu voz de prisão pelo crime de tráfico e foi conduzido para a delegacia de polícia civil de Canguaretama/RN.