Pandemia: decreto fecha templos, proíbe atividades e amplia toque de recolher por 7 dias em Angicos

O Prefeito Municipal Pinheiro Neto anunciou, na tarde desta segunda-feira (8/5), que estará publicando (inda hoje) um novo Decreto com mais medidas restritivas para tentar diminuir a grande disseminação do coronavírus no município de Angicos. Desta vez, nossa Cidade entra em regime ainda mais rígido a partir de amanhã (9). Apenas os serviços essenciais devem funcionar.

As barreiras sanitárias contarão com o apoio do policiamento da 2ª Cia e receberão ainda reforço da SESED/RN.

Vendedores ambulantes de outros municípios ficam proibidos de comercializarem seus produtos em território Angicano durante a vigência deste decreto, assim também como a entrada de pessoas de outras cidades. O controle de acesso será feito nas barreiras sanitárias. Somente trabalhadores residentes no município terão a entrada autorizada.

Serão autorizados apenas a entrada de transporte com carregamento de mercadorias para abastecimento do comércio local e retirada em seguida.

Quanto ao atendimento das instituições financeiras e correspondentes bancários aos seus correntistas, o acesso será restrito apenas aos clientes de Angicos durante o período de 7 dias.

Segundo o documento, estão proibidas visita a familiares diagnosticados com a Covid-19 no Hospital Municipal de Angicos. Movimentos para pacientes que recebem alta médica ou cortejos fúnebres.

Fica suspensa a comercialização de bebidas alcoólicas em qualquer estabelecimento comercial. O proprietário deverá inclusive, efetuar a retirada do produto das prateleiras.

Restaurantes, bares, pizzarias, lanchonetes e similares poderão funcionar em formato delivery ou entrega no local independente de horário.

Durante vigência do decreto, mercadinhos e supermercados deverão encerrar suas atividades todos os dias às 18h.

As atividades religiosas ficam proibidas nos templos, sendo liberados apenas para transmissões online com equipe de até 5 pessoas no ambiente.

A Prefeitura e o Comitê de enfrentamento a COVID-19 decidiu alterar o horário de início do toque de recolher, passando das 20h às 5h para às 19h às 5h. Nada de lazer durante o Decreto.

A educação permanece da mesma forma; escola funcionando internamente. As turmas poderão efetuar a entrega de atividades semanais dentro de horários agendado.

Quanto às atividades esportivas/físicas, continuam fechadas. Fica permitida apenas caminhadas e corridas mantendo distanciamento e uso de máscara.

O Decreto proíbe o uso de paredões de som e caixas amplificadas que estimulem aglomeração entre pessoas. O uso de carros de som, só ficam autorizados para fins de publicitários ou informativos.

Durante entrevista ao Blog do Carlos Costa, caso as medidas não surtam efeitos serão adotado o Lockdown com atitude mais extremas.

O Decreto será publicado no Diário Oficial da FEMURN nesta segunda-feira (9) e entrará em vigor a partir desta terça-feira (10).

ANGICO NOTÍCIAS